EQUILÍBRIO NA PEDREIRA

EQUILÍBRIO NA PEDREIRA

Como já comentei aqui, se o nosso grupo é difícil, ÓTIMO !!!
Prefiro dessa forma. Na minha maneira de ver, o fator determinante para a humilhação que sofremos com a Seleção do 7X1 na Copa, foi ela não ter disputado as eliminatórias e não ter se habituado a encarar pedreiras de verdade pelo caminho.

E este nosso jogo de hoje é a primeira das pedreiras, que nos preparará para diversas outras que vamos encontrar daqui pra frente. Se esses chilenos foram capazes de reverter uma derrota de dois gols, na casa do adversário e nos cinco minutos finais, todo cuidado é pouco com esses caras.

Como também precisamos ter MUITO cuidado com a arbitragem. No nosso jogo de quarta passada, chamou a atenção o fato do soprador de apito parecer só enxergar lances contra nós. Como também deixou a cera que eles faziam (desde o primeiro minuto) correr solta e, ao final do primeiro tempo, teve o desplante de dar apenas dois minutos (depois de dois demorados atendimentos ao Mancuello e outro a um jogador hermano) de acréscimo. Portanto, não se espantem se a arbitragem de hoje seguir este mesmo modelo.

Com as equipes argentinas sendo prejudicadas pelo conturbado momento do futebol do seu país, e considerando o São Lourenço uma dessas vitimas, por exclusão, nosso principal adversário na chave é este de hoje e uma arbitragem imparcial é o mínimo que podemos exigir.

Eles vão provocar, vão bater, vão ensebar (se conseguirem vantagem), vão pressionar arbitragem e tentar nos desestabilizar de todas as formas (me preocupa o temperamento e reações de Everton e Guerrero a essas provocações). Se realmente almejamos algo BEM GRANDE nessa Libertadores, NÃO PODEMOS cair nesse tipo de armadilha.
Nosso elenco é formado por jogadores de grande experiência e seria imperdoável incorrer nos mesmos erros do passado, quando expulsões em jogos fundamentais contribuíram decisivamente para nossas eliminações.

Temos mais time, mais elenco, mais camisa, mais visibilidade, mas PRECISAMOS também ter mais inteligência e equilíbrio. Temos três pontos e eles um, além de termos quatro gols de saldo e eles zero. Sendo assim, como o jogo é na casa deles, são ELES que vão precisar buscar o resultado a qualquer custo. São ELES que precisarão se abrir e nos dar espaços. São ELES que vão entrar em desespero, caso não estejam conseguindo o único resultado que lhes interessa.

Embora nosso DNA nos sugira jogar sempre pra frente, hoje, o mais sensato é cozinhar o adversário em fogo brando. Impor o ritmo que nos interessa, valorizar a posse de bola e fazer valer nossa maior qualidade técnica.
Confio MUITO no poder do nosso contra ataque, embora as estatísticas nos mostrem que não dependemos apenas dele. Já são DOZE jogadores nossos diferentes, que deixaram suas marcas em redes adversárias este ano.

Pena que isso não pareça ser o bastante, para que a mídia nos olhe com o respeito que merecemos. Apesar de sermos o clube da elite há mais tempo invictos, seus “especialistas” vomitam diariamente seu despeito em Redes de TV, alegando que só pegamos “baba”, times reservas ou adversários sem ritmo.
Pois bem, hoje temos a chance de acabar de vez com este argumento também. A pressão da torcida não será tão grande (em torno de 12 mil pessoas), se comparada a que exercemos aqui, com um contingente cinco vezes maior.

Levando-se em conta a liderança isolada e o nosso saldo, o empate nem chega a ser mau resultado, já que manteremos a liderança com ele. Mas TEMOS time pra vencer e precisamos jogar com o objetivo de vencer.

Como estamos falando de Libertadores, de NADA adiantará a enorme disparidade de custo em relação ao nosso elenco, se não nos equipararmos a eles também em Coração e Garra, componentes absolutamente fundamentais nesta competição.

Se os igualarmos nestes quesitos, com a qualidade, experiência e entrosamento que a nossa equipe possui, a parede desta pedreira não se mostrará tão íngreme como parece, a ponto de nos impedir voltar de lá com mais três pontos na bagagem e com a classificação para a próxima fase muitíssimo bem encaminhada. Ou será que alguém aqui duvida?

PRA CIMA DELES, MENGÃO !!!

Mudança no sistema de comentários
Não é mais necessário fazer login no site Flamengo RJ para comentar. Agora você precisa entrar no sistema de comentário abaixo com uma das opções de login disponível.