| Futebol

11 Milhões

flameng - 11 Milhões

Bom dia, boa tarde, boa noite… Eu sou Nick Marques e como sempre, eu escolho tumulto, então vamos ao que interessa…

Quando o Flamengo anunciou a contratação de Orlando “El Relâmpago” Berrío, questionei fortemente os valores das negociações, em minha cabeça era incabível, um absurdo pagar 11 milhões em um jogador que surgira tão repentinamente.

O ano foi passando e algumas oportunidades por Berrío foram desperdiçadas e aos poucos a fama de “Cirino bombado da Colômbia” foi começando a se espalhar, de forma até injusta, visto que diferente do atacante que hoje defende o Internacional, para Berrío Allen jamais lhe faltou raça dentro de campo!

Mesmo assim o Bolt rubro-negro começava a ter sua qualidade técnica bastante questionada e foi abrindo espaço para outras opções e quase fora esquecido por Zé Ricardo; tudo isso abriu espaço para a contração de Everton Ribeiro, que passou a ocupar a faixa de campo habitual de Berrío.

O jogador tinha que dar alguma resposta dentro de campo, visto que muitos já estavam concordando comigo quanto não valer o preço que foi pago para adquiri-lo; nessa altura eu nem pensava mais da mesma forma, considerando a genialidade que foi a contratação de Borja pelo “melhor elenco do Brasil” segundo alguns; Berrío já me parecia bastante barato (hoje nem se fala).

Nas vésperas da quarta-feira passada, em uma rede social (que não me paga para divulga-la) numa “live” de outro colunista do site, conversávamos sobre o jogo e naquele de “quem vocês acham que decidirá o jogo de amanhã?” respondi que Berrío decidiria o jogo, e mais, que também faria o gol do título, justifiquei dizendo 11 milhões cara, mas confesso que mais seu rendimento nos jogos grandes da Copa do Brasil que o investimento financeiro me fizeram crer que ele pudesse decidir a copa.

Não deu outra! Berrío recebe na direita domina dando um tapa de letra, correndo por trás do defensor, num drible pornográfico que, graças a internet, passei a chamar de “chora bambino” e tocou para trás, fazendo a bola ir de encontro a meu príncipe Diego, que de primeira definiu para o gol; a jogada ainda teve a colaboração do atacante que pedi a Deus, Guerrero, com um corta luz maroto que matou completamente Gatito Fernandez no lance.

Hoje, quase uma semana depois, quando digo “11 Milhões” não passa de uma grande brincadeira, de um jogador que vai se pagando naturalmente com muita raça e dedicação ao manto; apenas uma brincadeira para justificar que 11 milhões decidirão os jogos que certamente terão (ou já tem) um valor muito maior.

Gostaria de encerrar com tumulto, quero alertar um grande clube do futebol brasileiro no qual tenho um enorme respeito… Eu disse que esses 11 milhões vão fazer o gol do título; o único homem capaz de derrotar Floyd Mayweather vem sedento por escrever seu nome na história do Flamengo, então muito cuidado Cruzeiro, Berrío está chegando!

Siga também no Twitter: @TheNickMarques

Fonte: http://colunadoflamengo.com/2017/08/11-milhoes/

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.