| Futebol

A hora de Rodrigo Caetano entrar em ação

flameng - A hora de Rodrigo Caetano entrar em ação

Quando a fase é ruim tudo está errado, ninguém presta, tem que recomeçar do zero e a pessoa responsável por isso sempre é o diretor-gerente. A avaliação que se faz do trabalho de Rodrigo Caetano no Grêmio, no Vasco, no Fluminense é muito boa. O gerente conseguiu repatriar craques e montar grandes times. Chegou a hora de montar no Flamengo também.

Gostaria de dizer que eu não penso que está tudo errado e que tem que mudar todo o plantel. Para mim, como falado pelo vice de patrimônio, o Flamengo precisa apenas de 4 talvez 5 peças. Existe uma carência de um reserva para o Jorge na lateral, de dois bons pontas, porque é o que o nosso técnico usa, de um volante e de um segundo lateral caso Jorge saia. Não vou ficar sonhando em remodelar todo o time.

Mas como já foi dito aqui por vários colunistas, tão importante quanto contratar é dispensar, e o Flamengo tem um perfil defeituoso na OLX. É tão difícil desapegar de jogadores limitados que renovam ano após ano, ou que continuam mesmo tendo propostas para sair.

É hora de Rodrigo Caetano interferir diretamente, e talvez arbitrariamente, no time. Não existe dúvida. Se Zé Ricardo tiver para trabalhar: Márcio Araújo, Gabriel, Fernandinho, Sheik e Cirino, ele vai jogar com esses jogadores. É preciso dispensar e nem é tão difícil, afinal de contas, grande parte deles terá o seu contrato encerrado ao fim do brasileiro. Não há motivos para renovar.

“Ah, mas onde fica a opinião do treinador? Blá blá blá”, “vivemos numa democracia blá blá blá”. Nós vivemos de um time de futebol chamado Flamengo e se o Flamengo for fraco sempre vai cair a culpa no treinador, e ele será demitido, e o planejamento vai ter que começar tudo de novo. Chega!

Ou o Flamengo acaba com os perebas, ou os perebas acabam com o Flamengo.

Anderson Alves, O otimista.

Follow @andersonroch

Fonte: http://colunadoflamengo.com/2016/11/hora-de-rodrigo-caetano-entrar-em-acao/

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.