Advogado de Guerrero sobre julgamento no TAS: “Cruzemos os dedos para não aumentarem a pena”

Advogado de Guerrero sobre julgamento no TAS: “Cruzemos os dedos para não aumentarem a pena”

Falta pouco para o atacante Paolo Guerrero ficar livre para voltar a campo. Contudo, na mesma data de encerramento da pena do peruano – 03 de maio -, está marcada a audiência no TAS (Tribunal Arbitral do Esporte), que vai decidir, em última instância, a punição final do atleta.

Um dos advogados responsáveis pela defesa do centroavante rubro-negro é espanhol Juan de Dios Crespo. Ele concedeu entrevista à Ecco Radio, falando sobre as expectativas para o julgamento que será decisivo para a carreira de seu cliente.

Em trecho de uma de suas falas, Juan demonstrou confiança de que Guerrero não será prejudicado: “Estamos seguros que Paolo Guerrero é inocente, e por isso decidimos apelar no TAS, para que a punição seja anulada”, garantiu o advogado.

Entretanto, pouco depois, o espanhol também resolveu apelar para um pedido mais superticioso, sabendo que há a possibilidade da pena do atleta ser prorrogada, por conta de pedido da Wada. “Vamos cruzar os dedos para que não subam a pena, se não abaixarem. No dia 03 de maio saberemos mais detalhes, uma vez que a decisão final será dias depois”, disse ele.

Guerrero ainda não sabe se participará da audiência na Suíça. A instrução de seu advogado é para que ele permaneça no Rio de Janeiro, se preparando para voltar a campo junto ao elenco do Flamengo. Ainda sem o artilheiro da equipe em 2017, o Mais Querido tem importante compromisso na noite desta quarta (25), quando encara o Santa Fe em duelo válido pela quarta rodada da Libertadores.