| Futebol

“Ajuste fino…”

flameng - “Ajuste fino…”

Depois de muito contratar, o Flamengo começa a depurar seu elenco.

O volante Canteros, de saída para Velez Sarsfield, da Argentina, abrirá caminho para o aproveitamento do ex-júnior Ronaldo, destaque na última Copa São Paulo, e outro que está com dias contados é o atacante Emerson Sheik.

A natural queda no rendimento físico em função dos 37 anos de idade, aliada aos R$ 300 mil mensais que oneram a folha, reforçam a convicção de que é hora de aumentar as apostas em Felipe Vizeu.

MAIS DOIS

Trata-se de um grande avanço.

O Flamengo precisa saber aproveitar melhor os jogadores que produz e agora que o elenco está bem fornido vai mesmo depura-lo.

Até o final do ano, por exemplo, Marcelo Cirino e Gabriel terão de melhorar a performance.

Fala-se muito no aproveitamento de Adryan, que volta de duas temporadas no futebol europeu, e na promoção do meia-atacante Lucas Paquetá _ dois casos indiretamente ligados às vagas ocupadas por Cirino e Gabriel.

DESEQUILÍBRIO

O curioso é que apesar do esforço da diretoria em qualificar o elenco o setor defensivo ainda deixa a desejar.

Sem Rudnei, Rever e Jorge, o time enfrenta o Coritiba hoje à tarde, no Couto Pereira, com Pará, Rafael Vaz e Chiquinho.

Motivo de preocupação para o técnico Zé Ricardo que sabe das dificuldades na recomposição.

O Flamengo vive a expectativa de conseguir ao menos seis pontos nos próximos três jogos e estes desfalques ameaçam o conjunto.

DESAFIO ALVINEGRO

Não fosse a posição incômoda na tabela, o empate com o líder Palmeiras talvez não fosse, de todo, um resultado ruim para um Botafogo tão cheio de problemas.

Mas Ricardo Gomes quer fazer valer o mando de campo na Arena da Ilha para equilibrar as forças com o time de Cuca.

A presença do tripé Airton, Lindoso e Bruno Silva atenua porque facilita o trabalho ofensivo dos laterais.

A torcida agora é pela presença de Pimpão ao lado de Canales.

COLETIVO TRICOLOR

A cada dia mais convencido da necessidade de dar rodagem ao sistema de jogo construído para o Fluminense, Levir Culpi vai agir com cautela na inclusão dos novos contratados.

Sem tempo suficiente para treinamentos, o técnico quer amadurecer o padrão de jogo do time para ir lançando as novas caras no decorrer das partidas.

Faz sentido…

Fonte: Blog do Gilmar Ferreira

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.