| Futebol

Alento para Paulinho? Fla cresceu em 2013 após gol incrível perdido por Elias

Camisa 26 foi vilão no empate sem gols com o Santos ao perder chance inacreditável nos acréscimos. Volante teve lance semelhante contra o Náutico no Brasileirão 2013

 

O Flamengo deixou o Morumbi lamentando o inacreditável gol perdido por Paulinho nos acréscimos, no empate por 0 a 0 com o Santos, no último domingo. O erro do atacante impediu que a equipe conquistasse sua segunda vitória no Brasileiro e respirasse na tabela. Os rubro-negros mais supersticiosos, no entanto, podem se agarrar a um episódio semelhante ocorrido no nacional do ano passado e que representou o último ato da má fase da equipe.

No dia 22 de setembro, o Flamengo enfrentou o lanterna Náutico em Recife. No último lance do jogo, o volante Elias, sozinho na pequena área, perdeu chance incrível após rebote do goleiro (assista ao vídeo acima). Isolou por cima do travessão a chance da vitória, em jogo que também terminou 0 a 0.

- Acontece né, a fase está ruim. Vou até entrar para aquele quadro – lamentou Elias após aquele jogo, se referindo ao Inacreditável Futebol Clube, quadro do Globo Esporte que dá uma camisa a quem perde uma chance feita.

Aquela igualdade veio em momento conturbado da equipe flamenguista na temporada. Foi o primeiro jogo após a saída de Mano Menezes e a entrada de Jayme de Almeida. A igualdade manteve o time em 16º lugar, bem próximo da zona do rebaixamento, mesma posição de agora. Paulo Victor, assim como ocorreu no domingo contra o Santos, também foi o goleiro da partida, substituindo Felipe.

 

Contudo, a partir daquele empate, o Flamengo deslanchou na temporada. Três dias depois empatou por 1 a 1 com o Botafogo, em duelo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Na sequência, goleou o Criciúma pelo nacional, engrenou na competição e a terminou sem grandes sustos, de forma digna, em 11º lugar (após encerrar sua participação, perdeu quatro pontos devido à escalação irregular de André Santos e caiu para 16º). Paralelamente, arrancou na Copa do Brasil para o terceiro título do torneio em sua história.

Agora, a equipe, sob o comando de Ney Franco há três partidas, tenta encontrar um rumo. Tem apenas um triunfo no Brasileirão, na segunda rodada, contra o Palmeiras. São seis pontos em sete jogos, o que deixa o time à beira do Z-4. O treinador aposta na evolução da equipe e absolve Paulinho do erro de domingo (veja no vídeo acima).

- Em relação ao Paulinho, prefiro ir para o outro lado. Ele se dedica, corre. O momento em que estamos vivendo... saímos do jogo com dois lances marcantes: o pênalti não marcado e o lance do Paulinho. Tantos craques perderam gols parecidos. Não adianta culpá-lo. Prefiro valorizar a doação dele. Ele não mede esforços para cumprir a parte tática. Temos de levantar o astral. Na quinta, temos outro jogo – disse Ney Franco.

Na quinta-feira, novamente no Morumbi, o Flamengo receberá, como mandante, o Figueirense, às 19h30. Será o penúltimo jogo antes da pausa no Brasileiro para a Copa do Mundo. O último confronto será diante do Cruzeiro, no dia 1º de junho, em Uberlândia.

Paulinho Flamengo e santos Morumbi (Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte.com)Paulinho lamenta a incrível chance que perdeu no finzinho do jogo no Morumbi (Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte.com)


Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.