| Futebol

Altamir e Jhennifer encerram participação no mundial de Kazan

Jovens promessas do Junior rubro-negro nadam ao lado de medalhistas olímpicos na Rússia; veja os resultados

Jhennifer (Satiro Sodré/SS Press/CBDA)

Jhennifer (Satiro Sodré/SS Press/CBDA)

Desde o dia 24 de julho até o último domingo (09.08), aconteceu o Mundial de Esportes Aquáticos, em Kazan, na Rússia, e o Flamengo teve seis representantes em três modalidades. Além da Lorena Borges no polo aquático e Maria Clara Lobo, Giovana Stephan e Lorena Molinos no nado sincronizado, Luiz Altamir e Jhennifer Conceição representaram o Rubro-Negro na Seleção Brasileira pela equipe de natação.

Na sexta-feira (07.08), no revezamento 4x200m livre masculino, o Brasil não conseguiu garantir desde já a sua classificação olímpica. Luiz Altamir, João de Lucca, Thiago Pereira e Nicolas Nilo Oliveira ficaram com o 15º tempo, 7m16s85. Somente os 12 primeiros de cada revezamento olímpico garantem a vaga direta para os Jogos Rio-2016 neste Mundial, deixando quatro vagas ainda em aberto. A equipe buscará lugar com o tempo feito nos Jogos Pan-Americanos de Toronto (7m11s15), na repescagem mundial, assim como seleções tradicionais como Itália e China.

Já Jhennifer Conceição estreou no dia 03 de agosto nos 100m peito, finalizando a prova em 36º lugar (1m01s14). No penúltimo dia de decisões em Kazan, sábado (08.08), a jovem Jhenny terminou em 21º lugar nos 50m peito, 31s44. No revezamento 4x100m medley - ao lado de Etiene Medeiros, Daynara de Paula e Larissa Oliveira - a rubro-negra fez apenas o 14º tempo, com 4m03s24 e a equipe não garantiu vaga em Rio-2016. Assim como o time masculino, com Altamir, as meninas tentarão a classificação na repescagem pelo ranking mundial.

Os atletas rubro-negros voltam para a água no Troféu José Finkel, em São Paulo, de 17 a 22 de agosto. Além de Altamir e Jhenny, caem na piscina Ana Giulia Zortea, Julia Miranda, Juliana Carvalho, Nathalia Almeida, Breno Correia, João Pedro Couto e Marcelo Roge.

As equipes de esportes aquáticos do Clube de Regatas do Flamengo contam com recursos de seus patrocinadores – Furnas, Estácio, LafargeHolcim/Cimento Mauá, EY – via Lei de Incentivo Federal/Ministério do Esporte (IR), além de apoio da Confederação Brasileira de Clubes (CBC) proveniente da descentralização de recursos oriundos da Lei Pelé. A reforma da piscina olímpica da Gávea conta com investimentos da Lafarge e Ambev via Lei Estadual de Incentivo ao Esporte/Secretaria de Estado de Esportes, Lazer e Juventude (ICMS), além de recursos provenientes da Lei Agnelo Piva/Confederação Brasileira de Clubes (CBC). Você também pode contribuir se tornando um Anjo da Guarda Rubro-Negro. Basta transferir até 6% de seu IR devido, recebendo sua contribuição de volta na restituição do imposto de renda. Em breve o programa volta ao ar.

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/21885/altamir-e-jhennifer-encerram-participacao-no-mundial-de-kazan

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.