| Futebol

Análise: Fla peca nas finalizações, mas defesa e gol de letra garantem vitória

Time cria muitas chances, mas ainda precisa afiar a pontaria. Intensidade e evolução defensiva impressionam. Equipe não sofre gol há três jogos

flameng - Análise: Fla peca nas finalizações, mas defesa e gol de letra garantem vitória



Mais uma vez, Flamengo e Espírito Santo mostraram estar em sintonia. Em seu terceiro jogo em Cariacica neste Brasileirão, o Rubro-Negro conseguiu outra vitória, desta vez sobre o Atlético-PR, por 1 a 0, e segue com 100% de aproveitamento no estádio Kleber Andrade. Mas do que isso, a equipe de Zé Ricardo termina bem o primeiro turno e dá a impressão que vai brigar por coisa boa até o fim do Brasileirão.

VEJA A CLASSIFICAÇÃO DO BRASILEIRO

Em campo, um Flamengo intenso, que sabe o que quer. Contra a equipe paranaense, o time carioca, mais do que nunca, mostrou que sonha alto no Campeonato Brasileiro. O Rubro-Negro, porém, ainda esbarra em algumas limitações. Assim como no jogo contra o Santos, a equipe de Zé Ricardo foi melhor, dominou, mas esbarrou em um velho problema: a falta de pontaria.  

A questão não é somente a mira. Vez por outra, a bola chega quadrada aos homens de frente. Com atacantes abertos pelas pontas, o Flamengo abusa das bolas alçadas na área. Por afobação ou excesso de vontade, a bola teima em não entrar. Neste sábado, foram 16 finalizações. E quis o destino que o gol saísse de um jeito nada comum: um belo toque de letra de Mancuello, que levou o Rubro-Negro ao topo da tabela ao menos por uma noite - algo que não acontecia desde 2011. Veja o gol:



A pontaria é algo em que o Flamengo ainda tem muito a evoluir, mas em outros quesitos o time de Zé Ricardo já mostra evolução. A defesa talvez seja o principal deles. A equipe não sofre gol há três jogos (Coritiba, Santos e Atlético-PR) e nem de longe lembra o Flamengo que levou quatro do Corinthians e três do Botafogo por falhas bobas. Equilibrado, apesar de extremamente ofensivo, o Rubro-Negro praticamente não sofreu sustos, salve um chute improvável de Walter, de muito longe, que carimbou o travessão. Confira:


Com a defesa segura, sobra confiança para atacar. Os laterais avançam, Arão e Mancuello chegam à área constantemente, mas a vitória magra por 1 a 0 expõe a falta de capricho nas finalizações. O mais difícil, que é criar, o Flamengo já faz. Se souber converter as chances em gols dá para sonhar alto no Brasileirão. 


Fonte: http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2016/08/analise-fla-peca-nas-finalizacoes-mas-defesa-e-gol-de-letra-garantem-vitoria.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.