| Futebol

Andrade relembra jogos marcantes contra o Galo, mas garante: 'Rivalidade é de quem perde'

Fla e Atlético-MG tem longa rivalidade, marcada por jogos inesquecíveis. Ex-jogador e técnico Andrade fala ao <b>LANCE!</b> sobre partidas memoráveis

flameng - Andrade relembra jogos marcantes contra o Galo, mas garante: 'Rivalidade é de quem perde'

Flamengo e Atlético-MG são rivais de longa data. Amanhã, eles se enfrentam num duelo decisivo para os rumos do Campeonato Brasileiro, em apenas mais uma “decisão” na história. Cariocas e mineiros já disputaram até final de Brasileirão, em 1980, além de confrontos marcantes.

Presente em vários destes embates, o ex-jogador e hoje técnico Andrade fala com autoridade sobre a história do duelo. Ele conta que não havia, por parte do Rubro-Negro, rivalidade com o Galo.

– Costumo dizer que a rivalidade é sempre de quem perde. Para o Flamengo, não existia isso – garante Andrade, que comandou o Flamengo na conquista do último título Brasileiro do clube, em 2009.

– Vencemos por 3 a 1 nas duas vezes que cruzamos com eles (Atlético-MG) naquele Brasileiro. Eles brigavam pela liderança nas duas ocasiões, mas os superamos. Além deles, vencemos todos os outros times que brigavam pelo título. Fomos bem nos confrontos diretos – lembra.

Após a final do Brasileiro de 1980, vencida pelo Flamengo, os rivais voltaram a se enfrentar no ano seguinte, pela Libertadores. Depois de dois empates na fase de grupos, houve a necessidade do terceiro confronto, no Serra Dourada, em Goiânia, para definir o classificado.

O jogo ficou marcado como uma das maiores polêmicas da arbitragem no futebol brasileiro. José Roberto Wright apitou aquela partida, que terminou após a expulsão de cinco jogadores do Galo. O caso é discutido até hoje entre os torcedores.

Em 86, o Atlético-MG eliminou o Fla nas oitavas de final do Brasileiro. O troco veio no ano seguinte, quando o Rubro-Negro superou o adversário na semifinal da mesma competição. Em 2014, houve dois novos duelos importantes, pela semifinal da Copa do Brasil. O time carioca venceu no Maracanã por 2 a 0, mas não segurou a pressão mineira na volta, ao ser batido por 4 a 1.

Neste ano, o Flamengo venceu os dois duelos entre as equipes, sendo um pela Primeira Liga e outro pelo Brasileiro. Amanhã, a partida pode mexer com a vice-liderança da competição. Um empate seria desastroso para ambos, tendo em vista que o Palmeiras já está com seis pontos de vantagem para o Rubro-Negro. O Galo segue sonhando com o título e deve contar com muito apoio nas arquibancadas.

Fonte: http://www.lance.com.br/flamengo/andrade-relembra-jogos-marcantes-contra-galo-mas-garante-rivalidade-quem-perde.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.