Após escalar 29 atletas, Rueda pode ter ‘Fla ideal’ diante da Chapecoense

Após escalar 29 atletas, Rueda pode ter ‘Fla ideal’ diante da Chapecoense

Desde que estreou no comando do Flamengo em 16 de agosto, há sete jogos, o colombiano Reinaldo Rueda já utilizou 29 jogadores diferentes como titulares, 27 deles nas três últimas partidas. Os motivos são diversos: prioridades em competições, inscrições encerradas, desfalques e testes. Nesta quarta, às 19h15m, contra a Chapecoense, na Arena Condá, o treinador estreará em sua quarta competição, a Sul-Americana, que pode ajudar a desvendar a cara do rubro-negro de Rueda.

Se contabilizados todos os jogos do técnico no Flamengo, o lateral-direito Rodinei e o volante Willian Arão são os queridinhos do colombiano. Cada um deles entrou em campo como titular cinco vezes. Os zagueiros Juan e Réver, o volante Cuéllar, o meia Diego e o atacante Berrío correm por fora, com quatro partidas cada.

Com o elenco que chegou ontem em Chapecó, o colombiano poderá escalar aqueles jogadores que foram mais utilizados desde o início. Neste critério, a equipe ideal é Diego Alves (3 jogos), Rodinei (5), Réver (4), Juan (4) e Pará (três vezes escalado na lateral esquerda); Cuéllar (4), Willian Arão (5) e Diego (4); Éverton (5), Berrío (4); Guerrero (3).

Testados três vezes cada, Rômulo e Geuvânio não parecem ter agradado. Apesar de estarem aptos a entrar em campo amanhã, nenhum dos dois desembarcou ontem com a delegação em Chapecó. No gol, além de Diego Alves, inscrito na Sul-Americana, Rueda levou para Chapecó Alex e Thiago.