| Futebol

Arbitragem coloca Fla e Flu em confronto às vésperas do clássico

Depois de vice de futebol tricolor demonstrar preocupação com coincidências a favor do rival, dirigente rubro-negro responde: "Chega a ser irônico"

Alexandre Wrobel flamengo (Foto: Cezar Loureiro / Agência O Globo)Alexandre Wrobel fala em pressão contra o Flamengo (Foto: Cezar Loureiro / Agência O Globo)

No Campeonato Brasileiro deste ano, a arbitragem tem representado um capítulo à parte. Entre erros seguidos a cada rodada, surgem teorias de conspiração a favor de um ou outro clube envolvido em lances polêmicos, muitas vezes decisivos. Às vésperas do Fla-Flu, que será domingo, no Maracanã, o assunto se transformou em motivo de polêmica protagonizada pelos dois vice-presidentes de futebol.

Para aumentar a polêmica, o árbitro foi trocado durante esta semana. Segundo o presidente da Comissão de Arbitragem, Sérgio Correa, um erro no sistema havia colocado Anderson Daronco (RS) para apitar dois jogos consecutivos do Flamengo. Ela atuou no empate em 2 a 2 com o Palmeiras, mas será substituído por Dewson Fernando Freitas da Silva, do Pará, no clássico de domingo.

No jogo contra o Palmeiras, o Flamengo marcou um gol depois de um domínio com a mão de Eduardo da Silva. O clube paulista ainda reclamou pênalti de João Paulo em Henrique. Essa situação provocou uma declaração de Mário Bittencourt, vice de futebol do Fluminense em entrevista coletiva na sexta-feira.

- Existe sempre uma preocupação com qualquer situação. Principalmente com a arbitragem. O nível da arbitragem no ponto de vista técnico é ruim. Preciso acreditar que seja uma coincidência. Principalmente no caso do Flamengo. Realmente os erros são em sequência. Nos últimos jogos, nenhuma sequência de erros contrários a ele. Vamos para o jogo com a cabeça tranquila - afirmou Mário.

Mário Bittencourt Diretor de Futebol do Fluminense (Foto: Nelson Perez/Fluminense FC)Mário Bittencourt cita erros de arbitragem a favor do Flamengo (Foto: Nelson Perez/Fluminense FC)

A resposta do Flamengo aconteceu na manhã deste sábado. Vice de futebol do clube, Alexandre Wrobel fez questão de se manifestar e contrariar as declarações de Bittencourt. Ele, inclusive, fez uma ironia ao rival, mas sem citar o motivo, que seria referente à atuação do dirigente como advogado nas audiências no STJD que levaram a Portuguesa para a Série B no lugar que seria inicialmente do Fluminense.

- Chega a ser irônico esse questionamento vindo de quem vem. Tirem suas próprias conclusões. Só quero pontuar a posição do Flamengo. O clube repudia essa tentativa de pressão de forma veemente. O Flamengo foi beneficiado e prejudicado nesse campeonato como todos os outros clubes - disse Wrobel.

O vice de futebol do Flamengo enumerou uma série de jogadas na qual considera o clube prejudicado. Ele citou o pênalti cometido por Chicão na derrota para o Internacional, a falta marcada no gol de empate do Bahia e um pênalti não marcado na derrota para o Goiás.

- Está muita claro que há uma tentativa feita por pessoas do meio e de outros clubes. A gente espera que não aconteça. Temos plena convicção de que não favorecimento. Erros acontecem a favor e contra - comentou Wrobel.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.