| Futebol

Atlético-PR sonda Sheik; Flamengo e agente falam em "negociação difícil"

Na iminência de perder Walter para o Goiás, Atlético busca Emerson, que completa 38 anos no próximo dia 6; camisa 11 do Fla perdeu espaço no clube e não tem atuado

flameng - Atlético-PR sonda Sheik; Flamengo e agente falam em "negociação difícil"

Com a ida de Walter encaminhada para o Goiás, o Atlético-PR não perdeu tempo e sondou Emerson Sheik, do Flamengo. A informação é do blog da jornalista Nadja Mauad.

O atacante, que completa 38 anos no próximo dia 6, tem contrato com o Fla até dezembro de 2016, mas perdeu espaço e não vem sendo aproveitado (tem apenas quatro jogos no Brasileirão). 

Tanto o diretor executivo do Flamengo, Rodrigo Caetano, quanto o empresário do jogador, Reinaldo Pitta, confirmam que houve a procura, mas ambos destacam que ainda não há nada oficial.

– A gente está conversando, acho que não avança. As coisas até podem mudar, mas o Sheik ainda nem foi avisado para evitar problema. Primeiro porque ainda não há nada oficial. Se andar alguma coisa de acerto entre os clubes, aí o Sheik vai ser consultado e participar. Acho difícil o acerto, mas futebol não é matemática – afirmou Reinaldo Pitta.

Sheik tem duas passagens pelo Flamengo. Na primeira, conquistou o Carioca e o Brasileiro de 2009, disputando 26 partidas na temporada, com 11 gols marcados. Na atual, entrou em campo 47 vezes e anotou outros 11.

Desde o retorno à Gávea, em julho do ano passado, foi titular absoluto até abril de 2016. A partir de maio, foi barrado e perdeu jogos por duas lesões: uma no pé esquerdo e outra na coxa da mesma perna. Não entra em campo pelo Flamengo desde 26 de junho, quando entrou no segundo tempo da derrota para o Fluminense. Apesar da idade, Emerson é bem remunerado e recebe R$ 280 mil mensais.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/pr/futebol/noticia/2016/08/atletico-pr-sonda-sheik-flamengo-e-agente-falam-em-negociacao-dificil.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.