| Futebol

Atuações: Marcelo e Everton se destacam; Baraka complica o Coxa

Zaga do Flamengo tem grande tarde no Couto Pereira, e Everton também brilha com gol da vitória. Volante do time paranaense falha no lance do tento rubro-negro

Header_Coritiba_690 (Foto: Arte Esporte)



VANDERLEI - GOLEIRO
Seguro. Não teve culpa no gol e quase não foi exigido durante a partida.
Nota: 6,0.

REGINALDO - LATERAL-DIREITO
Teve um pouco de dificuldades na saída de bola, mas não comprometeu. Saiu para a entrada de Hélder antes do início do segundo tempo.
Nota: 5,5.

HÉLDER - MEIA
Entrou para ajudar nas jogadas ofensivas, mas não foi muito eficaz.
Nota: 5,0.

LEANDRO ALMEIDA - ZAGUEIRO
O capitão pareceu seguro no primeiro tempo. Chegou bem na grande área para finalizar, mas acabou jogando para fora.
Nota: 6,0.

LUCCAS CLARO - ZAGUEIRO
Um pouco afobado, mas persistente na marcação. Atrapalhou algumas jogadas de ataque do Flamengo.
Nota: 5,5.

DENER ASSUNÇÃO - LATERAL-ESQUERDO
Participou de algumas jogadas no primeiro tempo. Na segunda etapa, não apareceu muito.
Nota: 5,5.

BARAKA - VOLANTE
Bobeada feia no gol do Everton, foi muito vaiado pela torcida no primeiro tempo. Substituído por Keirrison no intervalo.
Nota: 4,0.

KEIRRISON - ATACANTE
Buscou o jogo, principalmente explorando os espaços deixados nas laterais do Flamengo, e sofreu algumas boas faltas para o Coxa.
Nota: 6,0.

GERMANO - VOLANTE
Foi melhor do que a sua dupla. Fez marcação certa em algumas jogadas. Em uma delas, Mugni sairia na cara do gol.
Nota: 6,0.

ROBINHO - MEIA
Não conseguiu ajudar a equipe com cruzamentos ou cobranças de faltas. Levou um cartão amarelo por reclamação e acabou expulso por uma falta boba a menos de 10 minutos do fim.
Nota: 5,0.

NORBERTO - MEIA
Participativo nas jogadas ofensivas. Após cobrança de escanteio, finalizou e obrigou Paulo Victor a fazer uma boa defesa.
Nota: 6,0.

GERALDO - ATACANTE
Foi melhor no primeiro tempo, participou de algumas jogadas. No segundo, cometeu faltas e cansou. Foi substituído por Zé Rafael.
Nota: 5,5.

ZÉ RAFAEL - ATACANTE
Entrou no segundo tempo com a partida muito agitada. Participou de algumas chances, mas não conseguiu ser efetivo.
Nota: 5,5.

ZÉ LOVE - ATACANTE
Buscou o jogo durante toda a partida, foi participativo, mas prendeu a bola em algumas situações, se desentendeu com os adversários no fim do primeiro tempo e cavou um pênalti não marcado pelo árbitro.
Nota: 6,0.

Header_Flamengo_690 (Foto: Arte Esporte)


PAULO VICTOR - GOLEIR
Boa atuação. Apesar de o Coxa não finalizar muito, foi seguro sempre que exigido, principalmente nas bolas aéreas. Fez boa defesa na ponta dos dedos em chute de Leandro Almeida no primeiro tempo. 
Nota: 7,0.

LÉO MOURA - LATERAL-DIREITO
Praticamente não se aventurou no ataque e ainda assim sofreu com avanços por seu setor, principalmente com Robinho. Faltou explosão em disputas individuais
Nota: 5.5.

MARCELO - ZAGUEIRO
Melhor em campo. Bem na bola aérea e no combate direto, praticamente não perdeu uma jogada e foi peça fundamental para conter a pressão do Coritiba.
Nota: 7.5.

WALLACE - ZAGUEIRO
Não apareceu tanto quanto Marcelo, mas também teve boa atuação. Com os laterais em tarde confusa, a dupla de zaga cumpriu bem seu papel e foi determinante para vitória rubro-negra Nota: 7,0.

JOÃO PAULO - LATERAL-ESQUERDO
Quase não saiu para o ataque e ainda assim deu espaços para o ataque do Coxa. Ajuda de Everton foi providencial para que o Coritiba não criasse muitas jogadas de perigo. Ficou devendo. Nota: 5,0.

RECIFE - VOLANTE
 Plantado na frente da defesa, simplificou a maioria das jogadas e praticamente não foi visto em campo. Nota: 6,0.

AMARAL - VOLANTE
Entrou em campo para cumprir a mesma função de Recife, que parece ter cansado. Também não se aventurou no campo ofensivo e fez o simples.
Nota: 6,0.

MÁRCIO ARAÚJO - VOLANTE
O melhor dos três volantes rubro-negro em campo. Foi quem mais teve a bola e tentou ao menos cadenciar uma partida marcada pela correria. Tentava fazer o Flamengo respirar diante da pressão desordenada do Coritiba.
Nota: 6,5.

CANTEROS - VOLANTE
Responsável por conduzir a bola da defesa para o ataque, não conseguiu criar muita coisa. Em determinados momentos, precipitou-se ao forçar jogadas. Sem um meia em campo no primeiro tempo, o argentino não compôs o setor e deixou um buraco entre a defesa e o ataque.
Nota: 5,5.

EVERTON - MEIA
Ainda abaixo dos companheiros fisicamente, não conseguiu repetir o rendimento que vinha tendo quando entrava no decorrer da partida. Com o Flamengo muito fechado, participou pouco do jogo e acabou prejudicado pela falta de explosão em um time que jogou no contra-ataque.
Nota: 5,0.

EDUARDO DA SILVA - ATACANTE
Ainda abaixo dos companheiros fisicamente, não conseguiu repetir o rendimento que vinha tendo quando entrava no decorrer da partida. Com o Flamengo muito fechado, participou pouco do jogo e acabou prejudicado pela falta de explosão em um time que jogou no contra-ataque .
Nota: 5,0.

MUGNI - MEIA
Deu maior qualidade a saída de bola do Flamengo, mas não conseguiu ser eficiente para puxar contra-ataques. Como de costume, ajudou muito na defesa.
Nota: 6,0.

ALECSANDRO - ATACANTE
Péssima tarde. Não segurava a bola no ataque e o time não conseguia respirar. Na única chance que teve, perdeu gol na pequena área ao finalizar de carrinho para fora.
Nota: 4.5.

ARTHUR - ATACANTE
Entrou com o time muito recuado e quase não participou da partida. Ainda assim, teve boa oportunidade em contra-ataque, mas foi facilmente desarmado por Lucas Claro já dentro da área. Nota: 5,0.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.