| Futebol

Atuações: Samuel e Renan garantem vitória do Goiás. Marcelo falha no Fla

Atacante entra no segundo tempo para fazer o gol salvador, enquanto goleiro faz boas defesas. Zagueiro rubro-negro erra na jogada decisiva do confronto

Header_Goias_690 (Foto: Arte Esporte)

RENAN - GOLEIRO
Fez uma grande defesa em chute de Eduardo da Silva no fim do primeiro tempo e novamente parou o atacante no começo do segundo. Ainda salvou o Goiás em chute de Gabriel, que desviou na defesa. Mostrou segurança nas saídas de gol.
Nota: 7

VALMIR LUCAS - LATERAL-DIREITO
Mesmo sem ser um lateral ofensivo, ajudou no apoio do ataque no primeiro tempo. Depois, ficou mais preso na defesa com as constantes investidas de Everton. 
Nota:6

JACKSON - ZAGUEIRO
Uma cabeçada que não se transformou em gol graças a uma grande defesa de Paulo Victor. Levou perigo em outras jogadas de bola parada. Na defesa, alternou bons cortes com alguns erros.
Nota:6,5

FELIPE MACEDO - ZAGUEIRO
Discreto, saiu-se bem na cobertura sem grande alarde e quando ganhou as jogadas entregou nos pés dos volantes sem se comprometer.
Nota:6

LÉO VELOSO - LATERAL-ESQUERDO
Não apareceu tanto no ataque e mesmo assim fez cruzamentos perigosos. Conseguiu controlar bem o seu setor defensivamente. 
Nota:6

DAVID - VOLANTE
Entrou em um ritmo mais lento e procurou controlar o jogo. Não conseguiu ser tão criativo, mas foi eficiente nas jogadas de bola parada e sempre levou perigo.
Nota: 6,5

THIAGO MENDES - VOLANTE

Apareceu mais no segundo tempo como opção ofensiva, criando boas jogadas quando o Goiás teve a bola e sendo a válvula de escape do time.
Nota: 6,5

ESQUERDINHA - MEIA
Deu um chute perigoso no primeiro tempo que deixou Paulo Victor paralisado. Procurou o jogo, mas faltou encontrar melhores espaços para jogar. Mesmo assim, foi um dos jogadores mais incisivos do Goiás.
Nota:6,5

RAMON - MEIA
Substituiu Esquerdinha depois que o Goiás já havia aberto o placar e tentou segurar o jogo no meio-campo. 
Nota: 6

THIAGO REAL - MEIA
Muito mal no jogo. Não conseguiu acertar os domínios no ataque e desperdiçou algumas chances de construir jogadas perigosas.
Nota: 4,5

SAMUEL - ATACANTE
Entrou no segundo tempo e fez o seu papel, marcando o gol da vitória.
Nota: 7

MURILO - MEIA
Foi perigoso quando teve a bola no pé. Mesmo jovem, não se intimidou diante de um estádio lotado de torcedores rivais e fez o seu papel. Nota 6,5

LINIKER - ATACANTE
Entrou no fim. Sem nota

ERIK - ATACANTE
Perdeu uma grande chance em rebote de cabeçada de Jackson. Melhorou com a entrada de Samuel no time e acabou dando o passe para o gol da vitória, marcado justamente por Samuel.
Nota:6,5

Header_Flamengo_690 (Foto: Arte Esporte)

PAULO VICTOR - GOLEIRO
Bem posicionado, defendeu sem dificuldade a maioria das finalizações do time do Goiás e fez série de lindas defesas no fim do primeiro tempo. Sem culpa no gol.
Nota: 7

LEONARDO MOURA - LATERAL-DIREITO
Manteve o nível das últimas partidas. Bem na defesa, ganhou a maioria das disputas individuais e só subiu na boa. O Flamengo não sofre pelo seu setor.
Nota: 6

MARCELO - ZAGUEIRO
Tentou antecipar no meio-campo em lance sem necessidade e onde estava sem tempo de bola. Falha abriu espaços para o Goiás contragolpear e marcar o gol. Já tinha falhado na derrota para o Grêmio.
Nota: 4

WALLACE - ZAGUEIRO
Levou perigo em algumas cabeçadas no setor ofensivo e cumpriu seu papel na defesa. Tentou fazer a cobertura no lance do gol do Goiás, mas foi batido pela movimentação do ataque adversário.
Nota: 6

JOÃO PAULO - LATERAL-ESQUERDO
Nulo no ataque, cumpriu seu papel na defesa. Não consegue sequência de boas atuações.
Nota: 5,5

RECIFE - VOLANTE
Com a bola nos pés, simplifica todas as jogadas, quase sempre com toques para o lado. Na marcação, costuma cumprir bem seu papel, mas deu espaços na entrada da área rubro-negra, principalmente no primeiro tempo. Perdido no lance do gol.
Nota: 5

LUCAS MUGNI - MEIA
Entrou para levar o time ao ataque e criar alguma jogada pelo meio, mas se ficou restrito a passes para a lateral. Não ajudou em nada o setor ofensivo.
Nota: 4.5

MÁRCIO ARAÚJO - VOLANTE
Desperdiçou grande chance logo no primeiro ataque do Flamengo ao tentar deslocar o goleiro em jogada onde precisava apenas escorar firme. Errou passes bobos na saída de bola e produziu pouco ofensivamente.
Nota: 5

GABRIEL - ATACANTE
Muita correria e pouca criatividade. Em quase todas as jogadas, se manda para linha lateral, busca um espaço e coloca a bola na área de qualquer maneira. Não ajudou um time carente de boas tramas ofensivas.
Nota: 5

CANTEROS - VOLANTE
Um dos jogadores mais regulares do time. Faz o jogo andar, trocar passes com velocidade e cumpre sua função defensiva no combate. Mais uma vez, tentou passes centrais, mas não tem a colaboração de Alecsandro na movimentação.
Nota: 6,5

EVERTON - MEIA
Assim como Canteros, mantém um padrão e sempre faz o que espera dele. Logo no primeiro lance, descolou cruzamento perfeito para Márcio Araújo, que errou a cabeçada. Correu por todos os lados do campo e foi quem mais tentou o gol.
Nota: 6,5

EDUARDO DA SILVA - ATACANTE
Não foi decisivo com tem sido entrando no decorrer da partida, mas demonstrou categoria em duas finalizações. Renan foi bem e fez duas grandes defesas.
Nota: 6,5

ARTHUR - ATACANTE
É impressionante como não consegue dar prosseguimento a uma jogada. Errou quase tudo que tentou e ainda não conseguiu mostrar a que veio com a camisa do Flamengo. Muito mal.
Nota: 4

ALECSANDRO - ATACANTE
Não faz um gol com bola rolando desde 27 de julho. Desperdiçou boas chances com cabeçadas sem muita potencia e, assim como no jogo com o Grêmio, tentou bicicletas lances sem sucesso. Em alguns momentos, sai muito da área. Não vive um bom momento.
Nota: 4,5

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.