– Esta vitória mostra a força do grupo do Flamengo. Por isso, estamos disputando o título. A diretoria está de parabéns pelas contratações, e os resultados estão aparecendo - analisou o zagueiro Rafael Vaz.

O defensor tem razão. Segundo levantamento do ​Lance!, já são oito jogos em que os reservas tiveram atuação decisiva, seja com assistências ou com gols. Nomes como Mancuello, Fernandinho, Alan Patrick e Leandro Damião já decidiram partidas saindo do banco ou substituindo titulares importantes:

– Só muda a experiência. O Guerrero é um jogador experiente e capitão na seleção. Encorpa muito nosso time. Os próprios jogadores que entram no lugar dele dão conta do recado. Felizmente, o Flamengo tem essa força. É muito importante ter este elenco. Os titulares sabem que se der brecha, entram outros jogadores - argumentou o meia Éverton.

O técnico Zé Ricardo faz coro aos jogadores. Para o comandante rubro-negro, esta competição interna será essencial nesta reta final do Brasileirão. 

A nossa briga, primeiro, é com a gente mesmo. Para jogar bem e ser competitivo. E para administrar a diferença. O Palmeiras é uma boa equipe. Sabemos que muita coisa vai acontecer nas próximas nove rodadas. Temos de nos superar – projetou o treinador.