Bandeira diz que São Paulo não negociou com o Flamengo por Everton: ‘Só notificou’

Bandeira diz que São Paulo não negociou com o Flamengo por Everton: ‘Só notificou’

Em entrevista concedida após o empate em 2 a 2 entre Flamengo e Vitória, na estreia do Rubro-Negro Carioca no Campeonato Brasileiro, neste sábado, o presidente Eduardo Bandeira de Mello falou sobre a saída de Everton para o São Paulo.

O mandatário rubro-negro mostrou certo incômodo pela forma como o Tricolor levou a negociação, tratando diretamente com o jogador.

“Não existe negociação com o São Paulo. Recebemos uma notificação de que eles vão depositar a multa. Se depositarem, vamos ver... Provavelmente (o jogador) está concordando... Se não tiver, pode ficar no Flamengo. Será sempre acolhido, onde está há muito tempo. Se ele quiser ir, não podemos fazer muita coisa”, afirmou Bandeira.

O São Paulo pagará R$ 15 milhões (valor da multa rescisória para clubes brasileiros) por Everton e o Flamengo ficará com 50% deste valor, ou seja, R$ 7,5 milhões.

Apesar disso, a tendência é que o Fla não vá ao mercado imediatamente atrás de um jogador para a posição. A diretoria acredita que o clube está bem servido de jogadores neste setor.

Everton assinará em breve um contrato de três anos com o São Paulo. Ele receberá um salário de R$ 500 mil mensais, mais luvas.