| Futebol

Bandeira vê situação desagradável por Godinho, mas nega danos ao Fla

Em seminário na CBF, presidente afirma que, dentro do clube, vice-presidente se pautava por princípios éticos do clube e pede investigação ligeira na Lava Jato

flameng - Bandeira vê situação desagradável por Godinho, mas nega danos ao Fla

Alvo da Operação Lava Jato da Polícia Federal, a prisão de Flavio Godinho, vice-presidente de futebol do Flamengo, deixou em polvorosa os bastidores do clube. Com compromisso na sede da CBF, o presidente Eduardo Bandeira de Mello falou sobre o assunto. Disse que nunca discutiu o afastamento de Godinho, após a condução coercitiva do ano passado, e afirmou que o fato não respinga no Fla. Confira a íntegra da mini e improvisada coletiva do dirigente:

Como o presidente do clube recebe essa notícia da prisão de Godinho?

- No Flamengo continua tudo absolutamente normal. Nossa administração no Flamengo, não só no futebol, mas em outras áreas, é profissional. Então não existe problema nenhum e vamos seguir a nossa vida.

Ele vai continuar a ocupar esse cargo de vice de futebol?

- Ele está impedido no momento de exercer a vice-presidência e quando isso acontece o presidente assume. Vamos aguardar o desenvolvimento dessa situação para ver como isso vai se desenvolver de maneira definitiva. Mas por enquanto não tem nenhuma informação além dessa. Isso aconteceu agora, sempre que existe impedimento de vice-presidente providenciamos substituição temporária. Vamos aguardar para ver como fica a longo prazo.

Existia alguma negociação que ele comandasse e pode atrapalhar?

- Não, a administração do Flamengo é totalmente profissional. Tudo está sendo tocado pelo Rodrigo Caetano, é claro que ele como vice-presidente supervisionava. Mas não vai haver nenhum tipo de problema de continuidade.

Quando ele foi levado para condução coercitiva, isso não era caso de risco potencial?

- O caso era tratado como questão particular. Ele foi lá na Polícia Federal, prestou esclarecimentos, voltou, então não existe absolutamente nada de diferente disso. O Flamengo continua com sua vida normal. 

A imagem do clube não fica arranhada, não poderia ser evitado?

- Não acredito, os fatos não dizem respeito ao Flamengo. Vamos aguardar, ele vai ter direito de defesa garantido e que seja tudo esclarecido. Mas de qualquer maneira nada do que está sendo apurado diz respeito ao Flamengo.

Mas não incomoda ao presidente ter um vice tão próximo preso?

- É uma situação desagradável, ele convivia conosco. Nesse momento, estou, como pessoa física, esperando que as investigações ocorram com serenidade, que ele tenha sua defesa garantida, quem sabe tudo pode ser esclarecido e solucionado de maneira breve. É o que a gente espera. Mas isso estou falando como pessoa física, pois não tenho nenhuma informação sobre o processo, que não diz respeito ao Flamengo. Qualquer empresa, organização, pode ter seus dirigentes com questões pessoais que o impeçam de trabalhar pelo que for, por doença, por questões particulares. Isso não afeta a administração da instituição, mas não diz respeito diretamente à instituição. Nesse caso, torço para que tudo se esclareça e que a conclusão das investigações seja rápida. Sempre garantido direito de defesa dos acusados.

Quando ele foi levado para condução coercitiva não conversaram sobre um afastamento?

- Isso não chegou a acontecer, tratamos como assunto particular, você não necessariamente precisa se imiscuir nele, tentar obter detalhes que não dizem respeito ao clube.

Mas neste caso, bem ou mal, todas as manchetes colocam "vice-presidente do Flamengo é preso", acaba respingando no clube.

- Sim, é a função que exercia, mas não acho que respingue no clube. É assunto particular, o Flamengo tem princípios conhecidos de ética, transparência, de governança. No tempo que o Godinho está no Flamengo ele sempre se pautou nesses princípios. Sempre esteve totalmente alinhado com eles. Então Flamengo segue com sua vida normal.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2017/01/bandeira-ve-situacao-desagradavel-por-godinho-mas-nega-danos-ao-fla.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.