| Futebol

Barbieri diz não ter expectativa de ser efetivado

flameng - Barbieri diz não ter expectativa de ser efetivado

Mauricio Barbieri comandou a equipe rubro-negra pela primeira vez como treinador do Flamengo. Apesar de demonstrar uma equipe apática no primeiro tempo, o início do segundo teve grande destaque do meia Diego Ribas, que marcou dois golaços. O outro gol do jogo foi marcado de pênalti por Henrique Dourado, que, mesmo fazendo o dever de centroavante, ficou longe de uma boa avaliação. Após a partida, o interino falou que não tem expectativa de ser efetivado:

— Não estou trabalhando com essa expectativa (de ser efetivado). O importante é fazer a equipe evoluir. A gente conseguiu pressionar em cima, roubar bolas, ser compactos, usar os espaços de campo. Fico satisfeito. Acho que a gente demonstrou garra e vontade. Fomos ansiosos em alguns momentos, precipitamos. Tentamos ajustar posicionamento e melhoramos no segundo tempo.

Barbieri realizou algumas mudanças com relação ao time que perdeu por 1 a 0 para o Botafogo e culminou na crise rubro-negra. Além de Diego Alves e Rhodolfo não começarem jogando (por causa de problemas musculares), o técnico escalou Rodinei e Renê nas laterais, promoveu a volta de Éverton Ribeiro e Everton nas pontas e lançou Cuéllar no lugar de Jonas. Segundo ele, a opção pelo colombiano foi por uma “característica particular”, mas não citou qual era.

Os dois vinham jogando bem. Alternamos os dois na semana. Por uma característica particular, optei pelo Cuéllar. Mas os dois têm capacidade de serem titulares.
Veja mais da coletiva:
ALTERAÇÕES
É uma alternativa que a gente teve hoje, a ideia é experimentar. O jogo nos possibilitou testar a equipe, observar os jogadores.
TRABALHO NO FLAMENGO
Acho que é uma experiência positiva. Trabalhar no Flamengo é um desafio diário. Sempre aprendendo. Fico feliz que esteja surgindo uma nova safra. Experiência e juventude é uma troca saudável.

Fonte: http://colunadoflamengo.com/2018/04/barbieri-diz-nao-ter-expectativa-de-ser-efetivado/