​​

O primeiro a avançar de fase foi o Bota. No jogo das 19h30, o Glorioso fez um jogo quase perfeito e mandou o Atlético-MG para casa com um 3x0 - lembrando que o Galo foi ao Rio com vantagem por ter vencido o primeiro jogo por 1x0. Carli, Roger e Gilson, já no finalzinho, marcaram os gols do time da estrela solitária.

As partidas das 21h45 tiveram emoção até o fim - e ambos os confrontos acabaram decididos no saldo qualificado. Na Vila Belmiro, o Flamengo marcou logo cedo no primeiro tempo (o Peixe empatou ainda nos 45 minutos iniciais) e também na etapa final, mas viu o Santos reagir e quase conquistar uma classificação heroica. Berrío e Guerrero marcaram para o Fla, enquanto Bruno Henrique, Copete (2) e Victor Ferraz marcaram para o alvinegro praiano. 

Em Belo Horizonte, Cruzeiro e Palmeiras também batalharam até o último minuto. Depois de um primeiro tempo morno, o Verdão conseguiu abriu o placar na segunda etapa graças a um gol de Keno. A classificação ficou nas mãos alviverdes até os 39 minutos, quando Diogo Barbosa apareceu como um centroavante para fazer o gol que empatou o jogo e garantiu a Raposa entre os quatro semifinalistas. 

​​