| Futebol

Cáceres e Mugni voltam a campo, e cirurgia de Gabriel no nariz é marcada

Paraguaio corre ainda com a mão esquerda imobilizada, e argentino faz trabalho com bola. Canteros volta ao Brasil mas não aparece no Ninho do Urubu<br>


Caceres flamengo treino (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)Cáceres voltou a treinar no campo (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

Em dia de jogo-treino com a equipe reserva e trabalho dos titulares na academia, o Flamengo viu o seu departamento médico começar a esvaziar. Cáceres, recuperando-se de fratura na mão esquerda, e Lucas Mugni, que ficou de fora dos últimos treinos por conta de pancada no joelho direito, apareceram no campo do Ninho do Urubu e trabalharam separadamente. O paraguaio - ainda com a mão engessada - apenas correu, enquanto o argentino trabalhou com bola.

Quem segue sentindo dores musculares e permanece no DM é o lateral-direito Léo. Outra baixa no Rubro-Negro, Gabriel está com cirurgia marcada. O meia, que fraturou o nariz e ficou de fora das atividades durante toda a semana, vai operar na manhã deste sábado, às 10h. Mesmo horário em que os titulares têm compromisso contra o Nova Iguaçu, em outro jogo-treino no Ninho do Urubu.

Canteros, que esteve na Argentina para regularizar sua situação, já está de volta ao Brasil, mas não compareceu ao centro de treinamento. O volante, que estava no Vélez Sarsfield e é único reforço do Flamengo durante a paralisação do Campeonato Brasileiro, ainda não tem condições de jogo por conta de pendências com documentação. 

O Flamengo volta a jogar pelo Brasileiro na quarta-feira, contra o Atlético-PR, às 22h, em Macaé. A partida, válida pela 10ª rodada da competição, acontece no estádio Moacyrzão.

Por Thiago Benevenutte, estagiário

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.