| Futebol

Cadê a postura? Mostre a eles, Vinícius Jr!!!

flameng - Cadê a postura? Mostre a eles, Vinícius Jr!!!

Salve, salve Nação mais linda do mundo!

Mais uma semana e eu de volta a este espaço, o site mais democrático da internet brasileira em se tratando de Flamengo, nossa imensa paixão! Hoje trataremos de um assunto deveras conflitante e envolto em muita subjetividade: a postura que o time vem demonstrando em campo. Está faltando atitude e vontade de ganhar! Guardadas as devidas proporções, tenho saudades daquele time de perebas do final do século passado que tinha qualidade muito duvidosa mas que entregava tudo e mais um pouco em campo, além de sair de campo inconformado com as derrotas.

Podemos começar falando da displicência enervante desta equipe. Esse desinteresse que podemos detectar em certas partes do jogo faz com que não tenhamos aquela fé em nosso time. Ontem, na expectativa pré-jogo, eu disse que temeria pelo resultado, onde há vários anos seguidos, quando não perdemos merecidamente, damos um jeito de entregar os três pontos, como vimos no último jogo em Curitiba pela Libertadores da América. Aliando-se a isso à maior bipolaridade flamenga de todos os tempos, podemos considerar que isso seja um flerte quase fatal com a derrota.

O que observamos é um time sem postura, displicente, apresentando inclusive algumas fragilidades que já não identificávamos como por exemplo na bola aérea. Ontem, mais uma vez, a falta de postura nos tirou dois pontos em mais um jogo que poderíamos ter ganho. De forma recorrente nosso todo “poderoso” Rafael Vaz displicentemente abdicou da marcação do zagueiro Thiago Heleno do Atlético paranaense, fazendo com que tomássemos outro gol de falha em bolas alçadas em nossa área. Poderia ainda dividir o “mérito” do gol com o famoso “muralha” que chegou na bola mas “alfaceou” na defesa (precisamos urgentemente de goleiro e zagueiro – e não é de hoje que todos clamamos por isso – abre o olho, diretoria!). A complacência é geral, desde os dirigentes até os jogadores.

Complacência observada através das entrevistas pós-jogo, onde Zé Ricardo enaltece empate e elogia jogadores nas derrotas (menos né? não precisa lascar a lenha, mas elogiar???); das respostas mal-educadas do Bandeira ao Mauro César por cobranças (justíssimas) na postura do clube após mais uma eliminação vergonhosa na fase de grupos da Libertadores, onde nosso presidente informou que nada mudaria; até a passividade contagiante do time no tocante à mudança de comportamento, que continuam inexistentes. Falta que essa quebra de paradigmas seja refletida na postura da equipe e do clube como um todo, que devem empenhar-se ao máximo na obtenção de resultados.

É peremptória essa mudança de postura! Precisamos urgentemente de uma guinada que contagie a todos: elenco, diretoria e comissão técnica! Por enquanro, só vemos entrevistas plastificadas onde passa-se a mão na cabeça dos jogadores, cujos quais estão muito tranquilos. Queria eu trabalhar num emprego onde meus superiores não cobrassem por resultados!

Após essa constatação, vamos falar agora da parte boa, do jogador que sentimos que entra com outro astral nas partidas: Vinícius Júnior! Que atitude tem o moleque! É isso que queremos observar na turma mais velha! Pega a bola, chama o jogo, parte pra cima, não se omite, corre o campo todo! Sei que não podemos colocar nas costas do garoto toda nossa esperança de um Flamengo melhor, mas que esse garoto faça com que a turma acorde e começe a sentir-se desconfortável quando tomam um revés ou não alcançam um resultado esperado. Me expliquem como é que pode um garoto de 16 anos ter mais atitude do que atletas profissionais com tanta rodagem? Isso é inadmissivel! O exemplo tinha que vir deles e não do menino!

Sabe o que aconteceu quando o Flamengo foi eliminado pelo San Lorenzo na Libertadores? Ele chorou! Ficou chateadíssimo e com vergonha de ser desclassificado! Não que nosso jogadores tenham que chorar após um desclassificação, longe disso! Mas que falta indignação, ah… falta! E muita! Não podemos aceitar tão pacificamente as derrotas. Não podemos compactuar com o descaso mostrado por grande parte do grupo após diversos revéses seguidamente. Falta algo mais profundo. Isso é a coisa mais difícil de se conseguir. Passa pela conscientização da coletividade em prol do Flamengo. Que o VJ possa inspirá-los a mudar para melhor. Que nossa joia possa “ensiná-los” a não aceitar a derrota com tanta facilidade em campo. Isso é o que mais esperamos, para que o Flamengo possa voltar a ser o nosso Flamengo guerreiro, que não desiste nunca, que se impõe desde o início. Aguardemos… Vai pra cima deles Mengo!

O Flamengo simplesmente é!!!
Saudações Rubro-Negras a todos!

Fabio Monken

P.S.: Aos Haters de plantão, aos torcedores de diretoria e torcedores de técnico um aviso:
“Não estou pedindo a volta dos diretores corruptos, muito menos que o ZR seja demitido, nem que tudo seja mudado.
O tema aqui é: falta de indignação, ou melhor, sangue nas veias da galera!
Finanças nota 10 – Futebol nota 6,5 (e há controvérsias quanto à grandeza da nota!).
Postura! Postura! Postura! É isso que falta! A todos, inclusive à grande parta da torcida!”
Mais uma coisa: antes de fazer sua participação, interprete atentamente o texto. Obrigado.

Sugestões? Críticas? Elogios?
Deixe seu comentário e faça-o com educação e respeito.
O Debate SEMPRE é salutar, mas a ignorância e a falta de educação são os combustíveis dos fracassados!

Fonte: http://colunadoflamengo.com/2017/05/cade-postura-mostre-eles-vinicius-jr/

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.