| Futebol

Camuflada, torcida do Fla forma pequena "organizada" no Morumbi

Rubro-negros sem uniforme se juntam em meio aos são-paulinos para torcer pela equipe no último jogo de punição. Partida sem muita emoção ajuda no disfarce

flameng - Camuflada, torcida do Fla forma pequena "organizada" no Morumbi

O setor 8 da arquibancada do Morumbi vazio indicava que não havia torcida visitante. Mas o público rubro-negro marcou presença, sim. No último dos três jogos da punição imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva, os torcedores do Flamengo novamente se misturaram aos rivais para acompanhar a equipe, desta vez contra o São Paulo, no último sábado, que terminou com empate em 0 a 0.

A impossibilidade de vestir o uniforme e torcer declaradamente pela equipe não impediu que os flamenguistas se juntassem no Morumbi. Aliás, até ajudou. Foi assim, por exemplo, que o carioca Leonardo Aydelkop encontrou outros rubro-negros no estádio. Ao lado do amigo Fernando, ele andou pelas cadeiras inferiores em busca de um lugar mais tranquilo e percebeu de cara quando achou outros camuflados.

- Encontrei um pessoal sem camisa do São Paulo, fiquei perto deles. Ouvi a seguinte frase: "estava na fila de espera”, e o sotaque carioca entregou. Foi só puxar assunto. Não deu outra: foram uns 30 flamenguistas vendo o jogo juntos - contou Leonardo, que mora em São Paulo, onde trabalha numa multinacional.

Depois da formação da pequena “torcida organizada”, o desafio seguinte foi conter os gritos de incentivo e as reações nas chances de gol. Como eram poucas as emoções, o teste definitivo foi a cabeçada de Leandro Damião, no segundo tempo, defendida em cima da linha pelo goleiro Denis.

- A galera fez aquele ssssss baixinho - lembrou o flamenguista.

A disfarce não passou tão despercebido assim. Ao fim do jogo, alguns torcedores do Flamengo foram abordados por são-paulinos, mas Leonardo Aydelkop afirma que tudo correu de forma pacífica.

- Depois do jogo um torcedor do São Paulo veio falar com a gente: "Percebi que vocês são flamenguistas, mas ficaram tranquilos, muito legal. Queria ter amigos assim como vocês, uns cuidando dos outros" - afirmou o carioca.

O próximo domingo é dia de a torcida do Flamengo voltar a São Paulo, mas numa condição bem diferente. O Rubro-Negro será o dono do Pacaembu na partida contra o Santa Cruz, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2016/10/camuflada-torcida-do-fla-forma-pequena-organizada-no-morumbi.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.