Carpegiani comenta vitória e atuação rubro-negra no clássico

Carpegiani comenta vitória e atuação rubro-negra no clássico

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

Após a vitória por 1 a 0 diante do Botafogo no estádio Nilton Santos, na tarde deste sábado (3), o técnico Paulo César Carpegiani concedeu entrevista coletiva e comentou sobre o resultado, além de falar sobre o desempenho rubro-negro nos últimos jogos.

"Fizemos o gol cedo e até a parada técnica tivemos algumas variações que permitiram o Botafogo ter a posse de bola. Eles não criaram muito, mas demos esse espaço. Gostei do desempenho no resto do primeiro tempo e no segundo até a expulsão do Vinicius. Depois começamos a ter mais pressão de um adversário que não queria sair derrotado", disse o treinador do Flamengo.

O próximo desafio do Mais Querido será nessa quarta-feira (7), às 21h45.

Confira outros trechos da coletiva:

Resultados dos últimos três jogos
Há uma cobrança exagerada em cima do nosso time. Flamengo é o único com possibilidade de disputar a vantagem lá na frente, ainda vamos jogar muitos clássicos. Quando falamos do clássico contra o Fluminense, temos que lembrar que deixei muitos atletas no Rio para preservá-los para o River Plate. Não podemos juntar todas essas partidas. A estreia na Conmebol Libertadores foi contra uma equipe muito bem preparada, além de ter uma arbitragem horrível. Ninguém fala como ocorreu o 2 a 2. O importante hoje foi a vitória. Nem sempre é possível jogar com o nível do último jogo contra o Botafogo, que foi um ótimo desempenho.

Atuação rubro-negra no clássico
Nem sempre é possível ganhar como ganhamos naquele outro clássico. São jogos difíceis contra equipes de grande tradição, então é difícil. Comparo às vezes como se fosse primeiro e segundo tempo. Nem sempre dá para repetir as atuações. Quando não conseguimos atuar como naquela outra partida, o importante mesmo é vencer.

Trabalho defensivo
Até a parada técnica do primeiro tempo, acabamos relaxando e eles conseguiram aproveitar. Depois, o time foi consciente, preparado, tirou a posse de bola. Começamos a dominar o jogo. Até a expulsão do Vinicius, estivemos mais perto de fazer o gol do que de tomar. Acho que isso que é importante e aguentamos bem a pressão no fim da partida.

Garotos do Ninho
É sempre importante observar. Eles treinam com a gente, sempre incorporados. Estou sempre de olho, devo chamar um deles por conta da expulsão do Vinicius. Penso em chamar o Lucas Silva, que me agrada bastante. Acho importante esse intercâmbio.

Evolução do time
Do lado esquerdo, o Lucas Paquetá e o Everton tem evoluído bastante. O futebol hoje exige que o Paquetá chegue bastante à frente. Estou tentando aproveitar aquilo que tenho de melhor tecnicamente. Tenho que usar um esquema tático que os favoreça. Se eu sentir alguma coisa diferente, farei as mudanças necessárias.