| Futebol

César brilha, Vizeu decide e Flamengo vai à final da Sul-Americana

Substituto de Muralha pega pênalti, e Vizeu marca os dois gols da vitória fora de casa. Rubro-Negro segura a pressão na Colômbia e vai à final da Copa Sul-Americana

flameng - César brilha, Vizeu decide e Flamengo vai à final da Sul-Americana

Graças a jogadores formados nas suas categorias de base, o Flamengo garantiu classificação para a final da Copa Sul-Americana. O Rubro-Negro venceu o Junior Barranquilla por 2 a 0, na noite desta quinta-feira, na Colômbia, com gols de Vizeu. Lá atrás, César mostrou segurança e não deixou passar nada ao substituir Alex Muralha. Com estrela, o goleiro ainda pegou um pênalti nos minutos finais do segundo tempo, garantindo a vaga. Agora, o time carioca encara o Independiente (ARG), nos dias 6 e 13, na decisão do torneio.

PRESSÃO DOS DONOS DA CASA NO PRIMEIRO TEMPO

O Junior tomou conta do jogo no primeiro tempo e pressionou, mas não conseguiu criar muitas chances de gol. Numa das melhores chegadas, aos quatro minutos, César foi testado e fez uma boa defesa em cobrança de falta.

Os donos da casa tinham muita posse de bola, forçando jogadas pela ponta direita com Chará. Do outro lado, o Flamengo tinha muita dificuldade para sair, preso na defesa, sem oferecer perigo aos colombianos.

Aos 38, enfim, o Flamengo criou a sua melhor jogada no primeiro tempo. Lúcido, Paquetá foi ao fundo na esquerda e cruzou para Vizeu escorar com perigo, mas o goleiro Viera estava ligado e fez uma boa defesa para evitar o gol.

Nos últimos minutos do primeiro tempo, Juan tentou cortar uma bola, colocou a mão nela. A arbitragem mandou o o jogo seguir e ignorou o lance, no mínimo, polêmico. As equipes foram para o intervalo sem balançar a rede.

SEGUNDO TEMPO

O Barranquilla voltou pressionando no início do segundo tempo, mas o Flamengo surpreendeu os donos da casa com um gol improvável aos oito minutos. Trauco deu um bom passe para Vizeu, na altura do meio campo, e o atacante limpou a marcação, arrancou em velocidade e tocou com categoria no meio das pernas do goleiro Viera.

O gol encheu o Flamengo de moral. O time carioca seguiu com a sua proposta de jogo, recuado, dificultando a criação de jogadas do adversário. Numa das chances mais claras, o Junior chegou perto de empatar com Díaz. Ele finalizou da marca do pênalti, mas Rhodolfo se atirou na bola e salvou o Rubro-Negro. 

Nos minutos finais, muita emoção. A estrela de César brilhou aos 42 minutos. Barrera foi derrubado na área por Arão, e o árbitro marcou pênalti. Chará cobrou no canto esquerdo, mas o goleiro formado na base do Flamengo voou para espalmar. Pouco depois, aos 46, Rodinei cruzou da ponta direita e Vizeu completou bem para o gol, o segundo dele e o do Flamengo. A classificação estava mais do que garantida. 

FICHA TÉCNICA:

JUNIOR BARRANQUILLA 0 X 2 FLAMENGO

Data/hora: 30/11/17, às 22h30 (de Brasília)
Local: Estádio Metropolitano Roberto Meléndez
Árbitro: Roberto Tobar (CHI)
Auxiliares: Claudio Rios (CHI) e José Retamal (CHI)
Cartões amarelos: Rhodolfo (FLA); Barrera (JUN)
Gols: Vizeu, 6'/2°T (0-1) e 46'/2°T (0-2)

JUNIOR BARRANQUILLA: Viera, Murillo, Pérez, Ariás e Gutiérez (Barrera, 26'/2°T); Narváez, Cantillo, González (Díaz, 12'/2°T) e Mier (Ovelar, intervalo); Chará e Téo Gutierrez. Técnico: Julio Comesaña.

FLAMENGO: César, Pará, Rhodolfo, Juan e Trauco; Cuéllar, Arão e Diego; Everton Ribeiro (Márcio Araújo, 34'/2°T), Paquetá (Rodinei, 40'/2°T) e Vizeu (Mancuello, 48'/2°T). Técnico: Reinaldo Rueda.

Fonte: http://www.lance.com.br/flamengo/barranquilla-jogo-volta-colombia-semifinal.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.