| Futebol

Coluna do Torcedor: “O que esperar de Adryan Tavares?”

flameng - Coluna do Torcedor: “O que esperar de Adryan Tavares?”

O dia é 21/01/12 ás 19:30, jogo contra o Bonsucesso (4×0) em partida válida pelo Campeonato Carioca. Na época muitos – inclusive esse que vos escreve – acreditavam que aquela partida marcava a estreia oficial no profissional do que viria a ser um dos melhores jogadores do mundo futuramente. Adryan na ocasião tinha 17 anos, entrou no lugar do Camacho aos 30 minutos da etapa final e aos 43 pegou de primeira um bom cruzamento do Magal para fechar a goleada.

Voltando ainda mais no tempo podemos perceber o porquê da expectativa em cima de um menino de 17 anos ser tão alta.  Adryan teve presença frequente nas seleções brasileiras de base desde o sub 15, se destacando principalmente em 2 competições: O campeonato mundial sub 17 em 2011, onde foi o artilheiro da seleção com 5 gols e jogando pela seleção sub20 a Copa Internacional do Mediterrâneo(2012), onde o time acabou sendo eliminado na semifinal, mas Adryan foi eleito o craque do torneio. Pela base do Flamengo ganhou o Campeonato carioca de Juvenis em 2010, a Copa São Paulo de Futebol Júnior 2011 e o Torneio Octávio Pinto Guimarães, também em 2011, tendo boas atuações em todos eles.

As boas apresentações na base renderam a Adryan apelidos como “Novo Zico” e comparações com Kaká, pelo estilo de jogo que alguns consideravam semelhante. Chegou até receber sondagens do Manchester United.

Infelizmente nem tudo são flores e aconteceu com Adryan o que acontece com a maioria esmagadora de promessas do Flamengo que chegam ao profissional. Por N fatores a joia que vinha da base cercado de expectativas não conseguiu render o esperado.

Em 2012 o Flamengo não conseguiu fazer um bom ano, chegou a brigar contra o rebaixamento durante o campeonato brasileiro e viveu meses conturbados na diretoria naquele que foi o último ano de mandato de Patrícia Amorim no clube.

No ano de 2012 Adryan recebeu algumas poucas oportunidades no time profissional do Flamengo após a saída de Ronaldinho, marcou 2 gols, um deles em partida vencida por 3×2 contra o Atlético GO e o outro um golaço em cobrança de falta perfeita contra o Grêmio no Engenhão (1×1).

Não há muito o que falar sobre o ano de 2013 de Adryan, coletivamente foi campeão carioca e da Copa do Brasil, mas em nenhum deles se destacou individualmente, sendo reserva na maioria dos jogos.

Em 2014 começou seu tour pela Europa. Em 2 anos(2014-2016) passou por Cagliari (ITA), Leeds United (ING) e Nantes (FRA). Foram 5 jogos e nenhum gol por Cagliari e 13 jogos e nenhum gol pelo Leeds. Na França atuando pelo Nantes foi onde teve seu melhor momento na Europa, sobretudo na última metade da temporada 2015/2016. Foram 29 jogos (21 como titular e 8 vindo do banco) pelo clube francês, 1670 minutos jogados, marcou 7 gols, deu 2 assistências e recebeu um cartão vermelho em jogo contra o Rennes.

Tudo indica que o Flamengo vai seguir atuando no 433 pelo menos até o final do Brasileirão, esquema esse que depende MUITO dos pontas para que se possa criar jogadas ofensivas, e apesar de ora ou outra nossos jogadores pelo lado conseguirem acertar boas jogadas continuam sendo bem inconfiáveis e irregulares, não sendo exagero dizer que foram abaixo da média na maioria das partidas até aqui, e é nessa posição que Adryan pode nos ajudar a ficar ainda mais forte na briga pelo título. Observando as partidas do Nantes na temporada passada pode se perceber que ele atuou caindo pelos lados quando o time atacava, e é bem percebível também que o Adryan tem mais qualidade com a bola no pé do que nossos pontas atuais, podendo quebrar linhas defensivas com um drible de habilidade ou aproveitando sua boa qualidade no cruzamento e achando um de nossos jogadores na área adversária.

Uma coisa é certa, Adryan pode ajudar o time se for bem utilizado. Infelizmente não atingirá o nível que era esperado dele quando saiu da base, mas quem sabe não pode se tornar umas das peças importantes de um tão sonhado hepta?

Abaixo vídeo com lances do Adryan na última temporada atuando pelo Nantes:

José Vitor Carvalho Garcia


Quer ver sua coluna publicada? Envie para torcedor@colunadoflamengo.com e aguarde o nosso contato!

Assista também:


Fonte: http://colunadoflamengo.com/2016/08/coluna-do-torcedor-o-que-esperar-de-adryan-tavares/

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.