Com apoio e sem multidão, Flamengo chega a Belo Horizonte para final da Copa do Brasil

BELO HORIZONTE - Se no Rio a torcida do Flamengo fez a festa e teve até confusão no aeroporto, em Belo Horizonte poucos rubro-negros prestigiaram a chegada da delegação para o jogo com o Cruzeiro. Apesar disso o aparato de segurança estava a postos.

Os flamenguistas mineiros deram apoio mas também reclamaram que não conseguiram comprar ingressos para a final da Copa do Brasil na cidade onde moram. Julio, carioca radicado em Minas, trouxe a filha Júlia, de seis anos, para ela entregar um bilhete para o meia Diego. E lamentou.

- Sou sócio no plano Raça e tiro do leite das crianças para ajudar o clube. Quando o jogo é aqui não consigo ir. Pelo menos vim aqui para ela ver os jogadores e entregar uma cartinha pro Diego - contou Julio, que morava em Bangu.

Outros torcedores mineiros tiveram a mesma dificuldade e relataram que poucos conseguiram comprar ingressos.