| Futebol

Com Luxa, Fla volta a vencer quatro seguidas no Brasileiro após três anos

Atual comandante rubro-negro também estava à frente da equipe em 2011, última vez que o clube conseguiu quatro triunfos em sequência

Eduardo da Silva comemora gol Criciúma x Flamengo (Foto: Fernando Ribeiro / Futura Press)Eduardo da Silva comemora gol na vitória do Flamengo sobre o Criciúma (Foto: Fernando Ribeiro / Futura Press)

Há algumas rodadas, quando o Flamengo era o lanterna do Brasileiro, apenas os torcedores rubro-negros mais otimistas poderiam sonhar que o time emendaria uma série de quatro vitórias seguidas e daria um salto na tabela de classificação. O pessimismo era justificado, já que desde 2011 o clube não tinha quatro triunfos seguidos. O técnico, no entanto, era o mesmo: Vanderlei Luxemburgo.

Naquela edição, comandando por Ronaldinho, o Fla conseguiu, na verdade, duas sequências de quatro vitórias. Primeiro, contra Atlético-MG, América-MG, São Paulo e Fluminense. Depois, contra Santos, Grêmio, Cruzeiro e Coritiba. Atual auxiliar de Luxa, Deivid era o comandante do ataque daquela equipe.

Após o 2 a 0 sobre o Criciúma, domingo, em Santa Catarina, o treinador preferiu relativizar sua participação no feito e destacou a criação de uma identidade da equipe.

 

- As pessoas dizem que o Luxa é isso, aquilo. Sou técnico. Estou acostumado. Não existe o Luxemburgo. Existe uma comissão, uma diretoria, os jogadores e a torcida. No futebol é o "nós", cada um dá seu percentual, e o maior é dos jogadores. Eles entenderam a situação, criaram uma identidade. É o negócio do saco de cimento. Abraçaram isso. Não é o Luxemburgo o ponto forte. Sou experiente, estou acostumado com isso. Nós conseguimos fazer o Flamengo crescer em um momento importante - disse o comandante.

A vitória no Sul levou o Flamengo para a 11ª posição no Brasileiro com 22 pontos. A equipe volta a campo pela competição no próximo domingo, no Barradão, para enfrentar o Vitória. Antes, no entanto, há a estreia na Copa do Brasil, quarta-feira, contra o Coritiba, no Couto Pereira. O jogo já é válido pelas oitavas de final.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.