Conforme observado pelo ​Lance!, o Rubro-Negro mais uma vez teve mais posse de bola que o adversário (57% contra 43% da Chape), mas pecou nas finalizações. Foram apenas 10 chutes durante o jogo todo, sendo apenas quatro deles em direção ao gol. O time tentou 32 lançamentos e errou 21 deles (65%). Os problemas no ataque não são uma novidade recente: nos últimos quatro jogos do Fla, o Fla marcou apenas dois gols - uma média de 0,5 por partida.

Flamengo e Chapecoense voltam a se encontrar na próxima quarta-feira, na Ilha do Urubu, às 19h15. Um novo empate sem gols leva a decisão da vaga para os pênaltis. Qualquer outro empate classifica a Chape.

​​