| Futebol

Com protesto da torcida, jogadores do Flamengo se calam no desembarque

flameng - Com protesto da torcida, jogadores do Flamengo se calam no desembarque

A eliminação amarga do Flamengo na Copa Libertadores rendeu protestos da torcida no desembarque do time no Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, na manhã desta quinta-feira. Abatidos e sem falar com a imprensa, os jogadores saíram direto para o ônibus aos gritos de "vergonha, time sem vergonha", "Bandeira banana", "Tem que ganhar, p...".

Cerca de 20 torcedores surgiram no lado de fora do saguão enquanto o técnico Eduardo Bandeira de Melo falava com a imprensa. O diretor de futebol, Rodrigo Caetano, não quis se pronunciar:

- O presidente já falou - desvonversou.

Para manter a segurança e afastar os torcedores do elenco, Mais de dez seguranças do clube e mais dez do Aeroporto do Galeão protegeram a delegação.

Matheus Savio foi o mais criticado pela torcida do Flamengo Foto: Guilherme Pinto / Extra

Criticado pela torcida por causa de sua péssima atuação, Matheus Savio foi um dos únicos jogadores cabisbaixos. Ele recebeu um afago na cabeça do assessor de imprensa. Já o capitão Rever era um dos mais rísoidos. Ao ser chamado para dar uma palavra sobre a eliminação, o zagueiro disse apenas "Eu já falei lá", se referindo à Argentina.

O técnico Zé Ricardo parecia nervoso, principalmente por ser um dos mais xingados pelos flamenguistas. Ele reclamou do bloqueio da passagem do ônibus para sair do aeroporto e se sentou nos primeiros bancos.

Tpecnico Zé Ricardo abatido no desembarque do Flamengo Foto: Guilherme Pinto / Extra

No desembarque, o presidente Eduardo Bandeira de Melo manteve o discurso adotado após o jogo de que não demitiria o técnico Zé Ricardo.

- Nós vamos avaliar agora o que vamos fazer. O trabalho continua, somos consicentes de que o trabalho está sendo bem feito e que os resultados vão acontecer. Vamos avaliar tudo agora - disse.

O Flamengo perdeu, de virada, por 2 a 1 para o San Lorenzo, na noite de quarta-feira, na Argentina. A eliminação do time na Libertadores se deu também com a vitória do Atlético-PR por 3 a 2 em cima da Universidad do Chile, em Santiago. O Rubro-negro acabou em terceiro no Grupo 4, com 9 pontos.

Seguranças na proteção ao ônibus do clube Foto: Guilherme Pinto / Guilherme Pinto

Paolo Guerrero no desembarque do Flamengo Foto: Guilherme Pinto / Extra

Fonte: https://extra.globo.com/esporte/flamengo/com-protesto-da-torcida-jogadores-do-flamengo-se-calam-no-desembarque-21357011.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.