| Futebol

Com quase R$ 1 milhão arrecadado, "Fla em Dia" espera confirmações

Idealizador do site que tem como objetivo pagamento de dívidas, Luiz Filipe Teixeira admite possibilidade de haver distorção depois de invasão da página na quinta-feira

O contador do site "Fla em Dia" marca R$ 924.740,00 arrecadados, até às 17h (de Brasília) desta sexta-feira, em apenas três dias de campanha. Mas o número expressivo não ilude Luiz Felipe Teixeira, executivo de contas e idealizador do projeto, que tem como objetivo o pagamento de dívidas do Flamengo com a Receita Federal.

Na quinta-feira, A equipe de 10 pessoas que trabalha no site identificou uma invasão. Nos dois primeiros dias, o projeto havia arrecado pouco mais de R$ 200 mil. O salto nesta sexta-feira fez com que fosse adiada a divulgação dos pagamentos confirmados.

Site Fla em dia (Foto: Reprodução)A campanha "Fla em Dia" tem como objetivo pagar dívidas do clube com a Receita Federal (Foto: Reprodução)

- Óbvio que tem alguém brincando, mas isso não é problema. A gente já tem algumas confirmações, mas não divulgamos ainda pelo que aconteceu. Recebemos algumas ameaças de ataques virtuais. Era para estar em 400 ou 500 mil reais. Tem um pessoal irritado, dizendo que copiamos, mas todo mundo paga assim - afirmou Luiz Filipe, de 38 anos.

O Flamengo, inclusive, divulgou uma nota informando sobre a invasão. Na emissão do DARF aparecia o escudo do Vasco no lugar do brasão da República. No entanto, o clube deixava claro que não havia qualquer comprometimento com relação ao pagamento do valor.

- Temos a opção de não fazer nada, já que não compromete o objetivo da campanha, podemos gerar só um DARF por dia ou então tirar o contador do ar, o que não queremos fazer, pois achamos isso muito interessante. Faremos uma reunião para analisar essa decisão - comentou.

Segundo Luiz Filipe, a expectativa é de que o primeiro número de confirmações seja divulgado até terça-feira. Ele já possui um extrato em mãos, mas o valor ainda será calculado para publicação no site da campanha. O primeiro pagamento é de um saldo de dívida de INSS não recolhido entre 2007 e 2009 que está em R$ 6.323.030,59.

- O pessoal não dormiu e estamos trabalhando para isso. Temos um relatório de três páginas em mãos - afirmou Luiz Filipe.

Torcedores de Vasco e Botafogo já lançaram projetos com o mesmo intuito, chamados "Vasco Dívida Zero" e "Botafogo Sem Dívidas".

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.