Foram dois tempos muito distintos no Moacyrzão. Logo nos primeiros minutos, comandado por Vinícius Júnior e Geuvânio, o Fla deu a impressão de que poderia até golear. Com muita movimentação, o time criou chances e até deveria ter ido para o intervalo com alguma vantagem no placar.

O velho ditado "quem não faz, leva" acabou prevalecendo no segundo tempo. Depois de começar apertando novamente, o Flamengo viu o Macaé crescer no jogo. Aos 19 minutos, em lançamento em profundidade, Lepu ganhou de Cuéllar e bateu na saída do goleiro Diego Alves - um dos únicos titulares presentes.

Na sequência, Léo Duarte acabou sendo expulso ao fazer duas faltas em menos de cinco minutos. Com dez em campo, a situação ficou difícil. E embora tenha batalhado, o rubro-negro poderia até ter saído com um resultado pior pelo domínio do Macaé nos minutos finais. 

​>>> Veja também: Jovem 'dribla' medalhões e se consolida como protagonista no Flamengo

​​