| Futebol

Conca passa de motorzinho a 'toco y me voy' para retornar ao Flamengo

Meia argentino terá contra o Paraná, na quarta-feira, última chance de ser integrado

De novo opção no Flamengo após 17 jogos, Darío Conca não estará em plena forma para comandar o meio-campo contra o Paraná, na quarta-feira, pela Primeira Liga. Aos 34 anos, o argentino tem novo estilo depois da grave lesão no joelho. De “motorzinho” do time, agora vai na base do "toca y me voy’’, expressão que significa tocar e passar.

O jogo, quase amistoso, embora pelas quartas de final da Primeira Liga, é, contudo, a última oportunidade que o meia terá de ser integrado ao elenco para um compromisso com certo grau de competitividade no ano. O técnico Reinaldo Rueda não terá os titulares da Copa do Brasil em ação, apenas os reforços que atuam no Brasileiro.

Desde que foi a campo pela primeira vez, Conca está liberado pelo departamento médico, mas a cirurgia de correção que fez no joelho esquerdo em dezembro fez o prazo estimado para maio se esticar. Até hoje, o jogador precisa de complementos físicos para atingir a intensidade ideal.

Nas atividades, não é mais o Conca conhecido por dribles e arrancadas. Experiente, mantém a técnica e precisão nos passes e lançamentos, mas não tem potência nos chutes. Com a necessidade de mais tempo para atuar em alto nível, cumpre seu empréstimo até o fim do ano.

Se passar pelo Paraná, o Flamengo encara Inter ou Atlético-MG pela semifinal da Primeira Liga, no sábado, dia dois de setembro, de novo com time misto.

INGRESSOS PARA A FINAL

Com mais de dez mil ingressos comprados pela torcida para o primeiro jogo da final da Copa do Brasil, o Flamengo espera a abertura das vendas para o plano Raça hoje para confirmar uma possibilidade quase certa: todo o Maracanã será preenchido por sócio-torcedores do clube em suas áreas. Nos últimos dias há novas adesões e upgrade de planos em massa.

A chance é grande, sobretudo devido a um acordo em discussão com o Cruzeiro, no qual os clubes analisam a carga para visitantes nas partidas do dia sete de setembro e no dia 27, no Mineirão. O percentual de 90/10 pode sofrer ajustes. Diferente da semifinal com o Botafogo, todo o setor estaria liberado. No Mineirão, a torcida do Flamengo teria a reciprocidade e poderia ir em maior número.

Fonte: https://oglobo.globo.com/esportes/conca-passa-de-motorzinho-toco-me-voy-para-retornar-ao-flamengo-21757977

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.