O 'problema' é a concorrência no setor. Quando disponível, Diego é quem faz a função de organizar e distribuir as jogadas no meio-campo do Flamengo. Éverton Ribeiro jogou centralizado nos dois jogos contra o Palestino, pela Copa Sul-Americana, e também nas partidas contra Coritiba e Vitória, e marcou três gols nessas ocasiões. O camisa 7 diz não ter preferência por qualquer uma das posições.

"Para mim, é indiferente. Quando jogo pelo meio, tenho um pouquinho mais de liberdade, porém na lateral foi onde eu consegui me firmar no futebol brasileiro. Sempre que precisar, quando alguém tiver fora, ou o treinador optar por me colocar no meio, estarei à disposição", disse Éverton Ribeiro, em entrevista ao ​Lance!.

Contra o Galo, neste domingo, Éverton Ribeiro deve continuar atuando centralizado, já que Diego está suspenso.

​​