| Futebol

Confraternização Rubro-Negra

Um Flamengo revigorado

Mais um belíssimo sábado a tarde no terraço do prédio do Ricardo Perez. Regado a muitas Stelinhas  e um churrasco saboroso além de  muito papo Rubro-Negro como não poderia deixar de ser. Além da presença do anfitrião e sua esposa Branca, estiveram lá o Peninha, o Mário de Bangu, o Márcio Tend, o Ivan Maurício, o Márcio Neves, o Daniel Primo,o  Paulo de Tarso e seu jovem filho também Rubro-Negro. 

De novidade, as presenças de Guilherme Sant'Just (ex martelo de thor), do Cleisson Lemos e do Wagner Rougemont. 

Todos com muitas esperanças num Flamengo infinitamente melhor em 2016, com a contratação do treinador Muricy Ramalho e as possibilidades de novos nomes chegarem para reforçarem o elenco do Flamengo, claro,  esperanças também de uma barca reforçada.

Foi uma grande satisfação para todos nós conhecermos  o Cleisson Lemos e o Wagner Rougemont parceiros constantes do FlamengoRJ, amigos virtuais que tivemos o prazer de conhecer pessoalmente. O Guilherme já havia participado da comemoração do título da Copa do Brasil num bar em 2013. 

Esperamos ansiosamente por novos encontros como esse, com a presença de novos amigos do FlamengoRJ que não puderam comparecer no último sábado.

Sentimos falta da presença do ChicoFla e sua viola, do Sérgio Heleno irmão do colunista Marcelo Neves, que devido a distancia de suas moradias não nos deram o prazer de suas companhias. 

Vamos para 2016, na esperança de um Flamengo revigorado, depois de três anos de desacertos no nosso carro chefe, o futebol, esperamos também que a direção de todas as condições para o novo treinador Muricy realizar um trabalho profícuo, e que conquiste novos títulos relevantes para o nosso Flamengo.

 

 

Histórias Rubro-Negras

 1974

O INÍCIO DA ERA ZICO!

 

Foi neste grande ano Rubro-Negro, o caminho para um dos maiores momentos de glória do "Mais querido do Planeta". O  treinador seria o "velho lobo" Zagalo, porém em ano de Copa do Mundo, Jouberth Luiz Meira antigo lateral direito do início dos anos sessenta o substituiu,a princípio como interino, porém depois da Copa Zagalo recebeu proposta do "mundo árabe" e  Jouberth continuou no comando do time rubro-negro. No início amistosos, jogos no Norte/Nordeste, logo depois excursão a África e alguns poucos jogos na Europa. No brasileirão o Flamengo foi muito bem, grandes jogos de Zico, Geraldo e Doval, num jogo contra o Palmeiras entramos com o time todo desfalcado, sem mais de meio time, o resultado de 3 x 1 contra nos tirou das semifinais do Campeonato Brasileiro. 

Não seria nada difícil chegarmos ao título, tínhamos mais equipe do que o campeão Vasco.

No Campeonato Carioca tivemos um início claudicante, mas logo demonstramos que estávamos com determinação para conquista-lo, Vasco e América eram os times que poderiam nos fazer frente, vencemos o terceiro turno, o América ganhou o primeiro e o Vasco o segundo, no triangular decisivo deu Flamengo campeão, vencemos o badalado América de Orlando, Alex, Ivo, Braúlio, Edu e Luisinho Lemos um 2 x 1 com gols de Jayme de Almeida Filho e o novato Júnior, na finalíssima contra o Vasco um teimoso 0 x 0 nos proporcionou o título, o primeiro do grande Zico como profissional. 

Nossa equipe base na temporada era: Renato, Júnior que surgiu nos últimos jogos do carioca, Jayme, L.Carlos Gualter e Rodrigues Neto, Liminha ou Zé Mário, Geraldo e Zico, Paulinho Carioca, Doval e Edson ou Arilson, ainda jogaram e foram importantes Cantarelli, Rondinelli, Wanderlei Luxemburgo, Rogério, Dario, Rui Rei entre outros. Este ano a lateral direita foi o grande problema do time, depois de Aloísio, Wanderley improvisado, Rondinelli improvisado, Umberto Monteiro e outros mais, finalmente chegou o jovem Júnior para ser decisivo em nossa conquista. 

Jogamos 75 partidas, vencemos 39, empatamos 25 e perdemos apenas 11, 132 gols marcados e 65 gols que levamos, 72 gols de saldo, o grande Zico foi o artilheiro da temporada com 49 gols, depois Paulinho Carioca com 17 gols, Doval 16 gols, Dario 14 gols, Arison 7 gols e assim por diante. Tivemos ali a certeza do nascimento de um grande ídolo, alias o maior de todos os tempos, Zico é a verdadeira essência no se refere a Flamengo...

SRN


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.