Criado na base rubro-negra, João Vitor quer seu primeiro título do NBB

Criado na base rubro-negra, João Vitor quer seu primeiro título do NBB

Foto: Staff Images/Flamengo

Os playoffs estão batendo na porta. Com a estreia logo ali, o Flamengo faz os últimos preparativos para iniciar a briga por mais um título do Novo Basquete Brasil 10. Em um elenco cheio de experiência, o jovem João Vitor, de 19 anos, aprende muito e faz parte do grupo que quer levantar a taça da competição com o Manto Sagrado pela primeira vez.

O jogador de 2,13m começou a atuar com a equipe principal na temporada passada, jogando 16 vezes. No NBB10, João tem 19 partidas, com médias de 5.5 minutos. Compondo o garrafão, ele foi importante na rotação de José Neto antes da chegada de Anderson Varejão.

"Espero que a gente consiga conquistar nosso objetivo de ser campeão, além de evoluir como time também. Quero contribuir bastante com a equipe em todos os sentidos. Estou me preparando bastante. Temos condições de chegar à final e vencer esse campeonato", disse o pivô.

O Flamengo inicia a briga pela vaga na semifinal do NBB10 neste domingo (15), quando encara o Minas, em Belo Horizonte, às 14h. João Vitor e o elenco rubro-negro sabem que vencer fora de casa é fundamental. Com força total, o Rubro-Negro chegará forte na Arena Minas Tênis Clube para sair com a vitória.

As equipes de basquete do Clube de Regatas do Flamengo contam com recursos de seus patrocinadores – thinkseg, Estácio, AmBev, Rede D’or, IRB Brasil RE, CSN, Brasil Plural, EY – via Lei de Incentivo Federal/Ministério do Esporte (IR) e Lei de Incentivo Estadual/Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude (Seelje) do Rio de Janeiro, além de apoio do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) proveniente da descentralização de recursos oriundos da Lei Pelé. O Projeto Anjo da Guarda Rubro-Negro, de transferência fiscal de pessoa física, beneficia todas as modalidades olímpicas do Mais Querido.