| Futebol

Cuéllar! Seria ele o elo perdido?

flameng - Cuéllar! Seria ele o elo perdido?

Salve, Salve, Nação Mais Linda do Mundo!

Até que enfim!!! Ontem vencemos e jogamos bem, coisa que já não acontecia há muito tempo com nosso querido e amado Mengão! O jogo foi contra um adversário desfalcado de algumas peças, é verdade, mas que mostra-se bem organizado, bem treinado e possui um contra-ataque quase mortal, cujo qual o Flamengo conseguiu anular a contento.

Na noite passada, na Ilha do Urubu, estivemos muito melhor postados em campo do que vínhamos nos apresentando, mas nada que nos encha os olhos (ainda precisamos evoluir demais). Já conseguimos identificar uma melhor compactação entre as linhas e bastante qualidade defensiva, a partir de uma zaga segura e com laterais eficientes.

Quanto ao meio campo defensivo, a entrada de Cuéllar no lugar do Arão foi fundamental para o salto de qualidade da equipe. Não estou dizendo isso pelo golaço que o fosforito marcou ontem, mas pela entrega e, principalmente, por sua capacidade de ser uma válvula de escape entre a defesa e o meio de campo ofensivo, servindo como ponte de ligação (quase uma via expressa) entre os dois setores. Seria ele o elo perdido entre ataque e defesa?

Acredito que ele realmente seja esse elo faltante na engrenagem rubro-negra. Com muita qualidade nos passes, quase todos verticais, e muita cobertura defensiva (algumas vezes um pouco afoito – Zé Ricardo deve corrigir isso) nosso volante colombiano vem se mostrando a melhor opção neste setor tão concorrido, só ontem foram 8 desarmes. A saída de bola do colombiano enche os olhos e ele sempre se apresenta como opção de passe para evitar o chutão da zaga.

Pude sentir também que a confiança do time está voltando. Claro que é cedo para afirmarmos categoricamente, mas tenho certeza de que essa sequência de vitórias está sendo fundamental nessa retomada. A Ilha do Urubu foi uma sacada genial da diretoria. Quanto ganho técnico estamos tendo em nossa nova casa! Se continuarmos nessa crescente, será dificílimo sermos derrotados na cidade maravilhosa.

A magnética (meio Nutellizada, é verdade) continua nos empurrando e, principalmente, pressionando o adversário nos trazendo um alento de que nossa temporada tem tudo para ser fantástica dentro de nosso estádio. Os times que nos enfrentam entram meio acanhados, receosos. Essa é a impressão que tenho pelas três primeiras partidas disputadas por lá.

E devo parabenizar a torcida que frequenta a Ilha do Urubu! A turma grita, apoia e, sobretudo, comporta-se de forma exemplar sem atirar qualquer objeto no gramado. Isso nos mostra que estamos amadurecendo e ficando cada vez mais cientes de que essas atitudes levianas só têm a prejudicar o Flamengo como um todo. Devemos sempre saber explorar ao máximo nossa capacidade de intimidação ao adversário, e isso se faz através da grande proximidade entre os jogadores e a torcida.

Gostaria de ressaltar mais uma coisa: a entrega do time! Ontem o Flamengo nos encheu de orgulho pela luta de toda a equipe, principalmente no primeiro tempo. Como nossos atletas correram! É verdade que a equipe ficou desgastada da metade para o final da segunda etapa, mas se continuarmos a correr coordenadamente como na partida de ontem, voltaremos a ser um time muito difícil de ser batido, dentro ou fora de casa.

Agora é esperar pelo jogo de domingo e ver se o time realmente está em vias de retomar as grandes atuações e a solidez que costumávamos observar num passado não muito distante. Espero que o Zé Ricardo tenha chegado à conclusão de que o Cuéllar é fundamental para que o time seja equilibrado como um todo, como pudemos perceber no jogo de ontem.

A diferença de qualidade que o colombiano agrega é indubitavelmente impossível de não ter sido observada pelo nosso treinador. Esperemos que o Zé dê continuidade a Cuéllar e passe a ponderar melhor a hora de barrar certos atletas. O elenco é muito forte, basta nosso treinador continuar abrindo os olhos e não atrapalhar na continuidade da evolução. Simples assim! Vai pra cima deles Mengo!!!

O Flamengo Simplesmente é!
Saudações Rubro-Negras a todos!!!

Fabio Monken

Gostou? Ótimo! Não gostou? Ótimo também!
Ninguém é o dono da verdade! Isso é fato!
Venha debater conosco suas idéias, mas faça-o educadamente, pois a falta de respeito e de educação são os combustíveis dos fracassados e de parca argumentação!

Fonte: http://colunadoflamengo.com/2017/06/cuellar-seria-ele-o-elo-perdido/

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.