Decisivo desde o banco: Vinícius Júnior vira jogador-chave no Fla

Decisivo desde o banco: Vinícius Júnior vira jogador-chave no Fla

A joia começa a ser lapidada e já rende frutos. Pelo menos nesse início de 2018, Vinícius Júnior virou peça-fundamental no Flamengo. O garoto foi decisivo para a conquista da Taça Guanabara. Foram três gols e duas assistências, além de atuações de arrancar elogios dos torcedores e dos companheiros de clube.

Em números, ele foi o líder de dribles certos, finalizações certas e o atacante que mais desarmou em toda a Taça Guanabara. No Fla, é o segundo que mais deu passe para gol e o quarto com mais assistência para finalizações.

Aos poucos, o garoto foi se acostumando a protagonizar. E muito vem do mérito de Paulo César Carpegiani. O treinador, colocou o garoto atuando em diversas funções e fez ele chamar a responsabilidade para si. Quando jogou com meninos, mesmo aos 17 anos, se tornou o líder do time. 

O garoto começa a ver sua própria evolução. E mesmo saindo do banco, tem sido o diferencial em grandes partidas. Contra o Botafogo, entrou e fez um gol de muito talento. Na decisão com o Boavista, desafogou a equipe. Foi fundamental pela vitória e marcou um no final. Quer dizer, marcou meio gol. Como o próprio definiu ao Lance!

- Meio gol meu e meio do Everton Ribeiro. Fica mais justo (risos) - brincou.

Com números acima nos primeiros sete jogos do ano, Vinícius Júnior já começa a provar o porque foi vendido por cerca de R$ 160 milhões para o Real Madrid (ESP). Se antes era criticado, agora é preciso enaltecer seu talento. Mas ele conhece um responsável.

- Entrei no momento certo da partida. Carpegiani vem me dando confiança e o grupo todo também. Fizemos varias jogadas juntos e aceleramos o jogo. Preciso agradecer a todos. A forma como o professor pedir vou estar jogando para ajudar - comentou.

FLAMENGO TENTA MANTER O GAROTO

Em franca evolução, o Flamengo estuda uma forma de manter Vinícius Júnior até dezembro ou até a equipe sair da Copa Libertadores, principal foco do clube em 2018. Contudo, a diretoria do Real Madrid, neste momento, está totalmente irredutível. A ideia do clube merengue é contar com o garoto - já com 18 anos a partir de junho  - na abertura da temporada.

Segundo dirigentes do Real Madrid passaram ao Flamengo, a ideia é ver se Vinícius vai ser incorporado ao elenco ou ser emprestado. A janela de janeiro não é vista como o ideal para resolver esses trâmites e fazer essa transição. Se topar ceder o jogador até dezembro, os espanhóis receberiam a joia em janeiro e deixaram no clube B para atuar com regularidade.

No ano passado, como adquiriu os direitos econômicos do jovem, o Real Madrid aceitou deixá-lo no Brasil por mais um ano para completar a maioridade. Agora, o clube quer contar com o menino e quer vê-lo ganhando experiência pela Europa. Seja no próprio Real ou em outro clube. Mas isso a partir de julho.