| Futebol

Depois de não repetir time, Ney define Fla com três zagueiros: "É o ideal"

Formação, a ser testada em jogo-treino no domingo, é a escolhida para a <br>retomada do Campeonato Brasileiro após o término da Copa do Mundo

Ney Franco comanda treino com três zagueiros no Flamengo (Foto: Hector Werlang)Ney Franco comanda treino com três zagueiros no Flamengo (Foto: Hector Werlang)

Os cinco primeiros jogos de Ney Franco à frente do Flamengo tiveram escalações diferentes. Seja por experiências, problemas de lesão e baixas por convocações, o treinador não repetiu a formação antes da parada do Brasileirão. Pois a retomada dos treinos, primeiro em Atibaia e depois no Rio, serviu para o comandante definir time e esquema: será com a base trabalhada no 3-5-2 que o Rubro-Negro tentará sair da zona do rebaixamento do Nacional, a começar pelo confronto com o Atlético-PR, em 16 de julho. É, na visão dele, o “ideal” para o Fla.  

Ney tem o entendimento de que o treinador precisa se adaptar ao elenco que dispõe. Então, especialmente pelas características ofensivas dos laterais Léo Moura e André Santos, escolheu a nova formação.  

- Futebol é cíclico. Em alguns momentos, não se pode bater o martelo em convicções. Tem de ficar atento. Meu perfil era montar as equipes com mais atacantes do que defensores. Mas o momento e o elenco do Flamengo pedem, na minha avaliação, e tomara que eu esteja no caminho certo, uma equipe mais sólida defensivamente e laterais que possam ser liberados. Qualquer esquema precisa de jogadores que o façam funcionar. Pelo que eu vejo nos treinamentos, essa forma vai dar resultado. Estou esperançoso de ter uma equipe mais competitiva para ver o Flamengo em situação melhor, no topo da tabela. É a forma ideal para a gente jogar, ao menos neste começo de campeonato – explicou o comandante em entrevista coletiva nesta sexta-feira.  

O novo esquema, então, será testado no jogo-treino contra o Tupi-MG, domingo, no Ninho. Ney está esperançoso:  

- Em qualquer sistema, além de tempo para trabalhar, você precisa de jogos para ajustar. Felizmente antes da nossa reestreia com o Atlético-PR teremos três jogos programados, jogos-treino, aliados a nossa programação de treinamentos. Creio que nossa equipe chegará muito bem contra o Atlético-PR, logicamente, com a sequência vai se ajustando, mas essa formação está me dando uma tranquilidade muito grande para recomeçarmos o Brasileiro, com uma equipe bem sólida.  

A escalação, então, é a seguinte: Paulo Victor; Wallace, Chicão e Samir; Léo Moura, Recife, Elano, Everton e André Santos; Paulinho e Alecsandro. Felipe, Cáceres e Hernane, com problemas físicos, podem ganhar posição ao se recuperarem. Afinal, eram titulares antes da parada por recomendação médica.  

Em 19º com sete pontos, o Flamengo está na zona do rebaixamento. Ney Franco soma três empates e duas derrotas. A primeira partida é contra o Atlético-PR em local ainda indefinido.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.