| Futebol

Depois dos clássicos, Botafogo e Flamengo se voltam para a Libertadores

Embalado, alvinegro venceu os últimos quatro jogos, enquanto rival empatou todos

flameng - Depois dos clássicos, Botafogo e Flamengo se voltam para a Libertadores

Depois do fim de semana de clássicos sem grande serventia, Botafogo e Flamengo começaram a semana pensando na principal competição do ano. Amanhã, no Maracanã, o rubro-negro recebe o Atlético-PR; no dia seguinte, no Estádio Atanasio Girardot, em Medellín, na Colômbia, o alvinegro enfrenta o Atlético Nacional: depois de um mês dedicado ao estadual, os cariocas voltam à Libertadores. Embora as duas equipes insistam na teoria da mudança de chip, segundo a qual uma competição não pode afetar a outra, o retrospecto recente do Botafogo é melhor do que o do Flamengo, talvez numa reação natural ao começo da temporada, quando aconteceu o contrário. Nos últimos quinze dias, enquanto o Fla só empatou, o time treinado por Jair Ventura conquistou quatro vitórias em quatro partidas

Com uma tabela espaçada ao longo do ano como grande novidade da temporada, a Libertadores volta a ser disputada hoje, quase um mês depois de suas últimas partidas. Seis dos oito times brasileiros do torneio entram em campo nessa semana, e têm a missão de seguir a boa campanha nacional: até agora, os times do Brasil têm o melhor aproveitamento do torneio, contando as 52 partidas já disputadas incluindo a primeira, a segunda e a terceira fase da pré-Libertadores, além da fase de grupos).

Ao todo, 21 jogos aconteceram com a presença de equipes brasileiras, que só perderam quatro vezes. Foram seis empates e 11 vitórias. Os argentinos foram os segundos que mais jogaram, 13 vezes, mas só conquistaram quatro vitórias, sendo derrotados seis vezes. Os hermanos são só o sétimo melhor aproveitamento entre as dez nações que têm representantes no torneio.

Um time do Brasil não vai à final há quatro anos, desde que o Atlético-MG foi campeão, algo que não ocorria desde 1991. O bom começo pode ser um indício de que o jejum pode ser quebrado este ano, mas cabe lembrar que a competição é longa: como o novo calendário, vai até novembro.

SETE PARTIDAS ACONTECEM HOJE

A rodada de abril da Libertadores começa hoje, com sete jogos. Entre os brasileiros, entram em campo a Chapecoense (grupo 7), que recebe o Nacional, do Uruguai, em Santa Catarina, e o Grêmio, que também atua em casa, diante do Iquique, do Chile, pelo grupo 8. Os dois jogos estão marcados para as 21h45m. A chave da equipe de Chapecó é uma das mais equilibradas: os quatro times têm três pontos, com uma vitória e uma derrota. As outras duas equipes do grupo também se enfrentam hoje, às 21h: o Lanús, da Argentina, recebe o Zulia, da Venezuela. O Botafogo entrará em campo na qunta-feira já sabendo da situação em seu grupo, o 1, porque hoje, às 21h, em La Plata, na Argentina, jogam Estudiantes e Barcelona de Guaiaquil, do Equador, adversário do Botafogo na quinta-feira da próxima semana, dia 20. Depois de uma rodada, Botafogo e Barcelona têm três pontos, e Nacional e Estudiantes, zero.

Pelo grupo 4, o de Flamengo e Atlético-PR, a Universidad Católica, do Chile, recebe amanhã, às 21h, o San Lorenzo, da Argentina. O time chileno lidera o grupo, ao lado do rubro-negro paranaense, com quatro pontos, enquanto o Flamengo tem três, e o time do Papa Francisco, nenhum. Os outros brasileiros a entrar em campo na rodada são o Palmeiras, amanhã, às 21h45m, em casa, contra o Peñarol, do Uruguai, e o Atlético-MG, na quinta-feira, às 19h30m, no Estádio Independência, em Belo Horizonte, contra o Sport Boys, da Bolívia.

Fonte: http://oglobo.globo.com/esportes/depois-dos-classicos-botafogo-flamengo-se-voltam-para-libertadores-21189982

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.