• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Derrota do Flamengo para o Del Valle repercute na Europa

O Flamengo levou a maior goleada de sua história na Copa Libertadores da América ao perder de 5 a 0 para o Independiente Del Valle na última quinta-feira (17). Em Quito, no Equador, o Fla viu a equipe adversária ditar o ritmo do jogo e teve a pior atuação de um atual campeão da competição continental. A derrota do time treinado por Domènec Torrent, inclusive, ganhou destaque na imprensa espanhola.

O portal AS disse que o Rubro-Negro não deu escolha aos equatorianos, que “passaram por cima dos brasileiros como um rolo”. Além disso, a publicação afirmou que o momento atual do Flamengo é apenas uma “sombra” do que foi em 2019, na ‘era Jorge jesus’. O veículo fez questão de ressaltar também o trabalho feito pelo técnico Miguel Angel Ramírez à frente do Del Valle.

Os equatorianos passaram por cima dos brasileiros como um rolo. Eles não lhes deram escolha. Eles cumpriram o planejado do começo ao fim. Os jogadores estiveram à altura das circunstâncias e mostraram que Mengão é apenas uma sombra do que foi no ano passado com Jorge Jesus. Sobre o Ramírez: é admirável que tenha preferido ficar para continuar a crescer no Equador -, dizia um trecho da reportagem.

Ainda no Equador, o Flamengo enfrenta o Barcelona de Guayaquil, na próxima terça-feira (22), a partir das 19h15 (horário de Brasília), no estádio Monumental. Com a derrota para o Del Valle, líder do Grupo A, o Flamengo continua na segunda colocação, com seis pontos conquistados. Já a equipe comandada por Fabián Bustos, está zerada e ocupa a na lanterna.

Publicado em colunadofla.com.