| Futebol

Dez momentos inesquecíveis de Flamengo e Rio de Janeiro

Maravilhosa

O Rio de Janeiro completa, neste domingo (01.03), 450 anos. E nos últimos 120, teve sua história abrilhantada pela existência do Clube de Regatas do Flamengo. Desde 1895, a Cidade Maravilhosa e o Mais Querido do Mundo dividiram momentos importantes. Separamos uma lista com dez ocasiões que marcaram tanto o Rio quanto o Flamengo:

1912
- Neste ano, o bairro da Urca recebia uma atração que viria a se tornar um dos maiores símbolos do Rio de Janeiro: O primeiro trecho do bondinho do Pão de Açúcar, entre a Praia Vermelha e o Morro da Urca, era inaugurado. Não muito longe dali, na Glória, era fundado o departamento de esportes terrestres do Clube de Regatas do Flamengo: era o início do futebol rubro-negro.

1942 - Zé Carioca, o papagaio brasileiro, era representado pela primeira vez em um desenho dos estúdios Disney. No filme, chamado "Aquarela do Brasil", o americano Pato Donald vem ao Brasil e conhece o Rio com seu novo amigo, que o apresenta às maravilhas do país. Em outubro, o Flamengo conquistava o campeonato carioca que pavimentaria o caminho para o primeiro tri do clube (42-43-44) com um elenco que contava com Yustrich, Domingos da Guia, Valido, Zizinho e outros craques.

1955 - O Flamengo já era um dos grandes esquadrões do país e tinha Rubens, Dequinha, Pavão e um mortal ataque formado por Dida, Evaristo e Zagallo. Não à toa, conquistou em abril o título carioca que selou o segundo tricampeonato (53-54-55). No mesmo ano, era fundado o conjunto habitacional Cruzada São Sebastião, a poucas centenas de metros da sede do Flamengo na Gávea. Da Cruzada sairiam craques que no futuro dariam muitas alegrias ao Flamengo: Adílio e Júlio César Uri Geller.

1974 - O Rio de Janeiro já não era mais a capital do Brasil. O estado da Guanabara, onde se localizava o antigo distrito federal, já não tinha mais razão para continuar existindo. A fusão com o estado do Rio de Janeiro, que viria a acontecer no ano seguinte, foi votada e definida em julho daquele ano. O Flamengo, em dezembro, conquistava mais um título carioca, o 17º de sua história. O time tinha Jayme de Almeida, Rondinelli e Geraldo Assoviador. Ali, começavam a carreira jovens jogadores que viriam a formar a 'Geração de Ouro' do Rubro-Negro: Junior marcava seus primeiros gols como profissional e um jovem de 21 anos se firmava no time sendo vice-artilheiro do campeonato, com 19 gols: Ninguém menos do que Zico. Os 165.358 presentes no Maracanã para a final do campeonato, contra o Vasco, fazem com que a partida seja até hoje o segundo maior público da história do Flamengo e o oitavo maior da história do futebol mundial.

1981 - O título mundial do Flamengo já é um marco histórico tanto para o clube quanto para a cidade. Foi a primeira e a única vez que um clube carioca venceu o intercontinental e a festa varou a noite em todos os cantos da cidade. A avenida atlântica, em Copacabana, foi completamente tomada por torcedores. A Cidade Maravilhosa foi pintada de Rubro-Negro em dezembro daquele ano.

1984 - Uma das grandes tradições do Rio de Janeiro ganhava sua própria casa. O Sambódromo, na avenida Marquês de Sapucaí, era inaugurado para abrigar o carnaval carioca. O Flamengo conquistou a Taça Guanabara daquele ano com um time que era o embrião do elenco campeão brasileiro de 87, com craques da geração de 81 e promessas como Bebeto.

2006 - O Rio, berço do samba e do funk, se rendia ao Rock'n'Roll mais uma vez. Em fevereiro de 2006, os Rolling Stones de Mick Jagger e Keith Richards faziam um show histórico na praia de Copacabana. Os ingleses tocaram seus sucessos para um público de aproximadamente 1 milhão de pessoas no que foi considerado um dos maiores show da história da música. Em julho daquele ano, o Flamengo decidia a Copa do Brasil contra o Vasco. O Rubro-Negro venceu as duas partidas da final e levantou a taça da competição pela segunda vez.

2007 - A Cidade Maravilhosa recebia os jogos Pan-Americanos e começava a aparecer no cenário esportivo internacional. Durante 16 dias, mais de 5 mil atletas das américas participaram de eventos de 47 modalidades. O ano marcou também para o Flamengo, que conquistou o 29º campeonato carioca da sua história. O título abriu passagem para o 5º tricampeonato estadual (2007-08- 09). No mesmo ano, o Mais Querido protagonizou no Brasileirão uma arrancada. Apoiado pela torcida, o Rubro-Negro saiu da zona de rebaixamento, onde passou 13 rodadas, e terminou na 3ª posição, conquistando vaga para a Libertadores.

2013 - O grande templo do futebol reabria após mais uma reforma feita para o maior evento do esporte. O Maracanã voltava a receber jogos após três anos parado em função de obras para a Copa do Mundo. Depois da vitória do Brasil sobre a Espanha na final da Copa das Confederações, o primeiro clube campeão na nova era do Maraca não poderia ser outro que não o Flamengo. Desacreditado, o Mais Querido calou críticos e conquistou mais um título da Copa do Brasil.

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/20549/dez-momentos-inesqueciveis-de-flamengo-e-rio-de-janeiro

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.