| Futebol

Diego admite decepção, mas diz que Zé acertou ao tirá-lo contra o Palmeiras

Meia confessa que se assustou ao ser o escolhido para deixar o campo, após a<br>expulsão de Márcio Araújo. No entanto, destacou o ótimo ambiente no Rubro-Negro

flameng - Diego admite decepção, mas diz que Zé acertou ao tirá-lo contra o Palmeiras

No dia 14 de setembro, Palmeiras e Flamengo se enfrentaram em São Paulo, valendo a liderança do Campeonato Brasileiro. Logo aos 24 minutos de jogo, o volante Márcio Araújo foi expulso e, para arrumar a defesa, o técnico Zé Ricardo escolheu tirar o meia Diego, grande contratação do clube da Gávea para a temporada, e colocar Cuéllar. Nesta segunda, no "Bem, Amigos!", o jogador confessou que ficou decepcionado com a decisão do treinador. No entanto, conseguiu se acalmar e destacou o bom ambiente no elenco rubro-negro.

- Naquele momento, a decepção foi muito grande, quando subiu a placa. Era o jogo, até então, mais importante da temporada para todos nós. Eu estou chegando, esparava um jogo como esse. As coisas estavam correndo bem para nós naquela partida. Você quer ajudar, quer tentar fazer a diferença, quer vencer e subiu a placa. Passaram muitas coisas na minha cabeça. Mas veio muito forte o espírito de equipe. Eu aprendi muito, mas às vezes reajo de uma forma que não é a adequada. Eu também tenho minha emoção, apesar de ter ganhado maturidade e ter melhorado muito nesse aspecto. Mas não vou ser eu quem vai destruir o ambiente criado por todos. Hoje, eu faço parte disso, mas os grandes responsáveis são todo o time, a diretoria, todo o grupo. Não vai partir de mim. Aquilo me acalmou - disse Diego.

Apesar da decepção ao deixar o campo, o camisa 35 lembrou que a alteração funcionou e elogiou a decisão de Zé Ricardo. No segundo tempo, mesmo com um jogador a menos, Alan Patrick abriu o placar. Porém Gabriel Jesus igualou e definiu o marcador.

- Eu fui para o banco, mas estava nervoso, decepcionado. Depois, conversei com o Zé, mas com muito respeito. Ele tem que tomar essa decisão. Foi a decisão certa, funcionou. Foi um teste para mim, não foi fácil me controlar ali. Mas eu fiquei feliz de ter me controlado, não foi fácil.

Com o empate, o Palmeiras manteve a liderança. O Flamengo segue um ponto atrás, em segundo. Na próxima rodada, o Rubro-Negro vai ao Morumbi, para encarar o São Paulo. Antes, tem duelo contra o Palestino, pela Copa Sul-Americana. Após vencer o primeiro jogo por 1 a 0, o Rubro-Negro pode empatar para se classificar.

Fonte: http://sportv.globo.com/site/programas/bem-amigos/noticia/2016/09/diego-admite-decepcao-mas-diz-que-ze-ricardo-ao-tira-lo-contra-o-palmeiras.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.