| Futebol

Diego não se abate com vaias e volta a ser decisivo no Flamengo

Meia marcou dois gols em goleada sobre o Bahia na Ilha do Urubu

flameng - Diego não se abate com vaias e volta a ser decisivo no Flamengo

A temporada de Diego no Flamengo tem sido marcada por altos e baixos. Desde a lesão na Libertadores, em abril, o principal jogador rubro-negro convive com bons e maus momentos, que se refletem na relação com a torcida. Na quinta-feira, ele chegou a ser vaiado por parte dos presentes na Ilha do Urubu. Depois, redimiu-se com dois gols que fecharam a goleada por 4 a 1 sobre o Bahia.

LEIA TAMBÉM: 'Ufa': Diego mostra alívio após marcar em goleada do Flamengo

O camisa 35 teve papel fundamental na equipe que arrancou no Brasileiro do ano passado e começou bem a temporada. Mas os últimos momentos não vinham sendo de êxito. Na mesma Ilha do Urubu, Diego desperdiçou um pênalti contra o Palmeiras, adversário direto no Nacional; no Pacaembu, mandou para fora o que seria o gol da virada sobre o líder Corinthians; e, no Mineirão, errou um pênalti na final da Copa do Brasil diante do Cruzeiro.

Não foi a primeira vez que Diego escutou vaias da torcida. Já tinha acontecido, por exemplo, na derrota por 2 a 0 para o Vitória, no dia 6 de agosto, que resultou na demissão do técnico Zé Ricardo. Nesta quinta, quando a equipe errava muitos passes, o camisa 35 ouviu novos sons insatisfeitos das arquibancadas. E olha que ele já havia sido decisivo no domingo, quando fez o gol da vitória sobre a Chapecoense.

— Assim como nós, a torcida fica decepcionada. A maneira de transmitir insatisfação é compreensível — reconheceu o meia. — Minhas emoções são novas com o passar do tempo. É um momento novo na carreira. Temos que superar diariamente. Nunca me faltou apoio dessa torcida. De uma forma ou de outra, eles nunca me deixaram.

Com os dois gols marcados nesta quinta-feira, Diego se isolou na artilharia do time no Campeonato Brasileiro, com oito gols. Ele está à frente de Guerrero, que tem seis, e do zagueiro Réver, que foi a cinco com os dois anotados diante do Bahia. O próximo objetivo do Rubro-negro é balançar as redes do Pacaembu, no domingo, a partir das 17h (horário de Brasília), contra o São Paulo.

Fonte: https://oglobo.globo.com/esportes/diego-nao-se-abate-com-vaias-volta-ser-decisivo-no-flamengo-21971321

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.