| Futebol

Diretor do Flamengo explica demissão de Zé Ricardo e faz mea culpa

'Clima ruim transpirou para o campo', diz Rodrigo Caetano

O diretor de futebol Rodrigo Caetano se pronunciou nesta segunda-feira sobre a demissão do técnico Zé Ricardo. O comando do clube comentou a situação insustentável do treinador depois da derrota para o Vitória na Ilha do Urubu, e falou que busca um novo profissional para estar á frente da equipe nos moldes do antecessor, moderno e antenado com o alto nível de performance trabalhado hoje em dia no Flamengo.

- Registramos o nosso pesar na saída do Zé Ricardo, a nossa mea culpa, a gente tentou fazer de forma diferente esse tempo todo, mas infelizmente depois do jogo de ontem, tivemos uma reflexão e decidimos fazer uma mudança para trazer as vitórias de volta. Achamos que os resultados voltariam, mas isso não ocorreu. Pregamos a continuidade, então lamentamos interromper o trabalho. O clima ruim transpirou para o campo. Lamentavelmente para o futebol brasileiro - disse Rodrigo Caetano.

Zé Ricardo foi demitido na noite de domingo. O presidente Eduardo Bandeira de Mello e o diretor Rodrigo Caetano, que sempre defenderam o trabalho do técnico, acabaram sendo convencidos de que a situação era difícil de se reverter sem a troca no comando.

Na quarta-feira, pela Copa Sul-Americana, Jayme de Almeida deve ser o técnico de forma interina. Domingo, o Flamengo enfrenta o Atlético-MG fora de casa pela primeira rodada do returno do Brasileiro. Na outra semana, inicia as decisões na semifinal da Copa do Brasil diante do Botafogo.

Pela Sul-Americana, o time não terá ainda o goleiro Diego Alves. Muralha e Thiago disputam a vaga.

CONFIRA OUTROS TRECHOS DA COLETIVA DE RODRIGO CAETANO

DESEMPENHO

Esperávamos que o desempenho trouxesse o resultado de volta. Nos afastamos dos líderes do Brasileiro. Todo o ambiente desfavorável a essa continuidade pesou também. Mas principalmente a oscilação do desempenho. A nossa convicção dizia que deveríamos acreditar no trabalho. Poderíamos ter feito isso depois da Libertadores. Achamos que havia a necessidade de mudança para trazer os resultados no que tem pela frente na Copa do Brasil e Sul-Americana. Talvez não tivesse a tranquilidade para os atletas. O que não os exime da responsabilidade que eles têm. Eles são cobrados por isso. Não com agressão, ameaça no aeroporto. Sim nos jogos exigindo desempenho.

NOVO TREINADOR

O nosso planejamento era diferente. Só iniciamos alguns contato se conversas internas depois de comunicar o Zé Ricardo pessoalmente. A partir de então começaram alguns contatos e a montagem do perfil. Que o torcedor tenha um pouco de calma porque assim faremos para escolher um bom nome, para dar seguimento a tudo que foi bem realizado pelo Zé Ricardo, ao modelo que o Flamengo acredita. Não posso entrar no mérito de consultas.

RESULTADOS JUSTIFICAM DEMISSAO
Temos que avaliar desempenho e resultado. O desempenho indicava que em breve retomaríamos. Não houve essa reversão de quadro. Eu acredito em continuidade. Na minha visão esse ambiente só dificultaria a retomada de desempenho e resultado, como contra o Vitória.

ROGER MACHADO E O NOVO PERFIL
Esse nunca é o momento ideal de fazer mudança, no decorrer da temporada. O Zé Ricardo era o treinador com mais tempo a frente do cargo no Brasil. Ele teve contestações e nós convicção. O Flamengo atual não é um dos que fica na rotatividade de técnicos. Por isso tem que ter cuidado com sondagem, propostas. Estamos avaliando perfis distintos dentre as opções. Alguém que tenha metodologia, que dê seguimento, capacidade de liderança, o que independe de ser jovem. Mas não há preconceito com idade. Temos que reunir dentre as opções que temos. A gente entende que o elenco necessita de uma boa gestão, mas não é isso que causou a nossa queda.
QUARTA-FEIRA
Jayme dirige o time contra o Palestino. Ele que escala. Temos uma semana importante. Com esse jogo da Sul-Americana e a Copa do Brasil. Jogaremos três competições em uma semana. Jayme se reuniu com os jogadores, com o Mozer, para fazer essa avaliação. Atletas que podem jogar na quarta não podem jogar na outra. É um quebra-cabeça.

Fonte: https://oglobo.globo.com/esportes/diretor-do-flamengo-explica-demissao-de-ze-ricardo-faz-mea-culpa-21679099

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.