| Futebol

Dores musculares tiram Gabriel e Léo Moura de jogo contra Chapecoense

Atacante e lateral-direito, que perdeu um pênalti, deixam gramado antes mesmo do final do primeiro tempo. Departamento Médico do Flamengo em alerta

 


Preocupação no Flamengo a três dias do duelo decisivo contra o Atlético-MG pela semifinal da Copa do Brasil. O lateral-direito Léo Moura e o atacante Gabriel sentiram dores musculares durante a vitória de 3 a 0 sobre o Chapecoense, neste domingo, e deixaram o gramado antes o mesmo do término do primeiro tempo da partida no Maracanã. De acordo com o departamento médico do Flamengo, os casos preocupam.

 

Léo Moura sentiu a coxa direita logo após desperdiçar uma cobrança de pênalti e, com um semblante não muito animador, foi substituído por Léo aos 25 minutos (assista no vídeo acima). Gabriel sentiu problema semelhante dez minutos depois, mas, ao menos, saiu de campo caminhando normalmente ao dar lugar a Eduardo da Silva (confira no vídeo ao lado).

- Não sei o que é ainda. Espero que não seja nada. Deu uma pontada, fiquei com medo, já tive outras lesões - afirmou Gabriel, logo após o término da partida. 

 

Para completar, o meia Luiz Antônio também saiu machucado (veja no vídeo ao lado), só que no segundo tempo, após sentir dores no ombro direito. Curiosamente, o problema surgiu após o jogador, que já passou por cirurgia no local, dar um soco no ar ao reclamar de uma jogada.

Segundo o departamento médico do Flamengo, os casos de Léo Moura e Gabriel são os que mais trazem preocupação.

- O Gabriel sentiu a posterior da coxa, com muita dor. O Léo Moura foi o músculo anterior da coxa. Por ser músculo, o tempo é curto. E isso preocupa e muito. Sobre o Luiz Antônio: o ombro saiu e voltou. Vamos ver como vai reagir para definir para quarta-feira - disse o médico Marcelo Soares logo após o final do duelo, ressaltando que o trio será melhor avaliado nesta segunda-feira.

Além dos três atletas que saíram machucados neste domingo, outro jogador que está com problemas musculares é o meia Everton, que sequer foi escalado para enfrentar a Chapecoense.





Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.