Como lembra o UOL Esportes, a estreia do clube carioca será no dia 8 de março, na Arena da Ilha. O Fla terá pela frente o San Lorenzo, campeão da Libertadores em 2014. O grupo rubro-negro, considerado por alguns complicado, ainda tem a Universidad Católica-CHI e um adversário a ser definido, que sairá do duelo entre Atlético-PR e Deportivo Capiatá-PAR.

O ótimo início de ano e a vaga assegurada nas semifinais da Taça Guanabara dão maior tranquilidade para elenco e comissão técnica trabalharem. Deste modo, o planejamento para o duelo contra os argentinos já está sendo feito. Catimba, jogo mais pegado, arbitragens: todos os elementos de uma Libertadores estão sendo pensados por Zé Ricardo e cia.

"Temos um grupo bastante maduro para não cair nas armadilhas que o futebol possui. Esperamos estar muito melhores na estreia da Libertadores.", afirmou o treinador.

O treinador ainda lembrou a questão do desgaste físico. Mesmo em começo de temporada, são muitas competições paralelamente, o que pode pesar no preparo de cada atleta: "Precisamos saber dosar a equipe. (...) O nosso objetivo é chegar na melhor forma possível em 8 de março".

A euforia do torcedor rubro-negro está em sintonia com o discurso nos vestiários. Em entrevista, Paolo Guerrero mostrou confiança: "Todo mundo vai querer ganhar do Flamengo. Somos um dos favoritos. Um dos times grandes. Desejamos vencer a Libertadores, o objetivo é ser campeão."

​​