| Futebol

Ederson: "Honra e orgulho de vestir essa camisa"

Novo dez do Flamengo é apresentado no Fla Esperience, na sede social da Gávea

Meia revelou enorme felicidade em vestir o Manto

Meia revelou enorme felicidade em vestir o Manto

Na manhã desta sexta-feira (24.07), foi apresentado o novo camisa dez do Flamengo: Ederson. O atleta concedeu entrevista coletiva à imprensa no Fla Experience, exposição interativa do Flamengo na sede social da Gávea. Ao seu lado, o diretor de futebol, Rodrigo Caetano, e o presidente do clube, Eduardo Bandeira de Mello.

Ederson foi contratado com recursos do Programa Nação Rubro-Negra. Seja sócio-torcedor e ajude o Flamengo a ser mais forte.

"Mais um reforço que veio pelo trabalho árduo e incansável do nosso departamento de futebol. Depois de Guerrero, Emerson, Alan Patrick, e outros atletas, chega nosso camisa dez. Saiu do Brasil cedo, fez sucesso na Europa, agora volta para jogar no Mengão é vestir a camisa do Zico", apresentou Bandeira de Mello.

Caetano completou as palavras do presidente. "Esclarecer que Ederson está em contrato conosco até o final de 2017. Houve um esforço pessoal e financeiro dele para estar hoje aqui, pelos valores e condições que o Flamengo dispõe. Acreditou no projeto que o clube coloca hoje para ele e no desafio. Sabemos o quanto representa para qualquer atleta vestir essa camisa, principalmente com esse número. Ninguém fica na Europa e joga em apenas três clubes sem qualidade. Esperamos que reedite os seus melhores momentos no Flamengo e que o torcedor abrace o atleta. Assim o clube fica mais forte e mostra para o mercado que vale a pena vir para cá", afirmou.

Confira a íntegra da coletiva de Ederson

Chegada 
Muito feliz, honrado e orgulhoso por estar aqui hoje. Um sonho voltar para o meu pais depois de 11 anos jogando em alto nível na Europa, ainda mais no maior clube do Brasil, com a maior torcida do mundo. Vou fazer de tudo para honrar essa camisa e dar muita alegria para o torcedor rubro-negro. 

Retorno ao Brasil
Sempre foi um desejo meu voltar em uma idade que não fosse avançada para poder escrever minha história também no meu pais. Estou muito feliz. 

Condição física
Esse é um assunto que gostaria de esclarecer de forma definitiva. O futebol é um esporte de muito contato físico e, infelizmente, lesões acontecem. Acredito que o que pensamos é o que atraímos para nossa vida. Daqui para frente, só quero pensar em coisas positivas, que estou no maior clube do Brasil. Estou bem fisicamente e farei de tudo para me condicionar o mais rápido possível para ficar à disposição do nosso treinador. Estou treinando há duas semanas e meia, com ênfase na parte física nos treinamentos, na pré-temporada europeia. 

Elenco rubro-negro
O elenco está cheio de grandes jogadores. Espero me entrosar o mais rápido possível com todos e fazer um bom trabalho.

Camisa 10
Na seleção de base vesti a dez, nos outros clubes também. Aqui preciso pedir autorização para o maior de todos para vesti-la. Sei que tem pressão, existe muita cobrança, mas também existe muita felicidade e orgulho em vestir essa camisa. Farei de tudo para honrá-la.

Posicionamento
Sou meia de ligação. Meu maior papel é armar as jogadas e ligar a defesa com o ataque. Sem a posse da bola, também faço o trabalho defensivo para ajudar a equipe. Na Europa, sempre procurei ser polivalente. Já joguei como atacante pela direita e pela esquerda, às vezes até um pouco mais recuado.

Servir Guerrero e Emerson
Grande responsabilidade. Mas jogar com grandes jogadores fica fácil. Emerson, Guerrero e Éverton são muito rápidos, acredito em um bom entrosamento nosso. O coletivo quando funciona exalta as qualidades individuais de cada jogador. 

Motivos para vir para o Flamengo
É um sonho para qualquer jogador vir para cá, um dos maiores clubes do mundo. Na Lazio não estava sendo muito aproveitado pelo treinador e optei pelo Flamengo. Estou muito feliz de estar aqui.

Readaptação ao estilo de jogo brasileiro 
O futebol europeu é mais compacto, de muita marcação, e o brasileiro é mais técnico, de mais habilidade. Espero me readaptar o mais rápido possível. Acredito que com a ajuda dos meus companheiros será rápido.

Próximos passos
O Flamengo é um grande clube e tem que brigar sempre para se reforçar e pelas primeiras posições. Vi as últimas vitórias e acho que o time tem tudo para subir na tabela. Vou conhecer meus companheiros, depois tenho que resolver minha mudança da Itália para o Brasil e já na quinta-feira já estarei à disposição do grupo. Vi que no Flamengo há um ótimo ambiente de trabalho e quero logo me unir aos meus companheiros.

Liberação no fim da janela
Não foi fácil conseguir a liberação da Lazio. O presidente não queria me liberar, me propôs outros clubes com opção de empréstimo. Mas quando soube do interesse do Flamengo, conversei com o presidente que era um sonho vir jogar aqui. Foi um alívio a liberação.

Zico
Tive a felicidade de conhecer o Zico pessoalmente em uma premiação. Percebi que além de grande jogador, é uma pessoa maravilhosa. Para mim é uma honra vestir a camisa do maior artilheiro e maior ídolo do Flamengo. Não vou medir esforços para jogar bem e dar alegrias ao torcedor.

Bagagem rubro-negra
Quando soubemos da transferência para o Rio, compramos as malas pretas e descobrimos que eram vermelhas por dentro. Uma ótima coincidência que a minha esposa e eu percebemos ao chegar em casa.

Lesão grave na Seleção
Hoje me sinto 100%. Não tenho mais preocupação com isso. Sonho em voltar à Seleção, mas tenho que passar por um bom trabalho primeiro aqui no Flamengo. Com isso, a convocação pode vir naturalmente. Espero fazer ótimas coisas neste clube maravilhoso.

Fonte: http://flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/21750/ederson-honra-e-orgulho-de-vestir-essa-camisa

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.