Eduardo Bandeira abre o jogo sobre possível rescisão com a Ilha do Urubu

Eduardo Bandeira abre o jogo sobre possível rescisão com a Ilha do Urubu

No ano passado, o Flamengo assumiu o comando da Ilha do Urubu, realizou reformas no estádio, e parecia ter avançado bem em relação a ter um estádio para mandar seus jogos. Porém, desde os incidentes ocorridos no estádio em janeiro de 2018, a falta de um local para as partidas voltou a afrontar o Rubro-Negro.

Agora o Mais Querido se aproxima de uma solução por maior prazo de tempo: o clube tem conversas adiantadas para acordo de quatro anos pelo MaracanãSendo assim, a rescisão de contrato para utilização da Ilha do Urubu passa a ser cogitada. Contudo, o presidente do Fla, Eduardo Bandeira de Mello, prega cautela no caso.

Isso (sair da Ilha) ainda não está resolvido. Tudo está sendo avaliado, mas tenho certeza que será resolvido da melhor maneira possível —, disse o mandatário em entrevista exclusiva ao Globo Esporte.

Eduardo Bandeira também comentou sobre a possibilidade do retorno ao Maracanã. De acordo com ele, o negócio está próximo de ser concluído, mas depende do parecer do Conselho Deliberativo. Para que o aval do Code seja favorável, o contrato terá que apresentar segurança para o clube, com cláusulas que o resguarde de prejuízos.

— É uma negociação que está avançando, mas qualquer coisa vai depender da aprovação do Conselho Deliberativo. Se a gente vier a assinar alguma coisa, vai ser com cláusula de eficácia. Ou seja, ele só vale com a aprovação do Conselho Deliberativo.