Eduardo Bandeira pode ser candidato a vice-presidente do Brasil

Eduardo Bandeira pode ser candidato a vice-presidente do Brasil

A pré-candidata à Presidência da República pelo Rede Sustentabilidade, Marina Silva, tem em Eduardo Bandeira de Mello um dos nomes possíveis para ser seu vice na chapa. Segundo o jornalista Caio Barbieri, do Metrópole, Marina aguarda apenas a resposta de Joaquim Barbosa, ex-ministro do STF, e do ex-ministro da Corte Carlos Ayres Britto para escalar Bandeira.

Em seu sexto ano no comando do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello comandou a recuperação financeira e a construção da estrutura de primeira no Mais Querido. E tais feitos como administrador acabaram chamando a atenção dos políticos para o mandatário rubro-negro.

Anteriormente, Eduardo Bandeira de Mello já havia sinalizado que disputaria as eleições em 2018. Agora, a ambição do dirigente está ainda mais próxima de acontecer. Bandeira não sabe a qual cargo irá concorrer, a tendência seria a deputado federal ou estadual, mas Marina pode mudar essa ideia.

Enquanto isso, nas eleições do Fla, Bandeira de Mello não poderá participar, pois está em seu segundo mandado, logo, não pode ser reeleito. A oposição, por sua vez, indicou quem irá concorrer ao cargo mais alto do rubro-negro: trata-se de Rodolfo Landim, ex-presidente de patrimônio do clube.