| Futebol

Eduardo da Silva encara jejum após quebrar marca com Alecsandro

Atacante, confirmado para o clássico deste domingo, contra o Fluminense, no Maracanã, está há quatro partidas sem fazer gol

eduardo da silva flamengo x atletico-mg (Foto: André Durão)Eduardo da Silva tem quatro gols pelo Flamengo, todos saindo do banco de reservas (Foto: André Durão)

O empate em 2 a 2 com o Palmeiras serviu para quebrar uma marca. Foi a quarta vez em que a Alecsandro e Eduardo da Silva atuaram juntos como titulares e a primeira na qual um deles fez gol. Agora, Eduardo tem outro jejum a derrubar depois de um começo avassalador com a camisa do Flamengo.

Neste domingo, contra o Fluminense, no Maracanã, Eduardo da Silva vai entrar em campo carregando  a marca de quatro jogos sem fazer gols, sendo que nos três últimos atuou como titular, sempre ao lado de Alecsandro. Ele já marcou quatro gols em 11 jogos.

Contra o Palmeiras, Eduardo da Silva deu o passe para o segundo gol do Flamengo, feito por Alecsandro, de cabeça, já com o goleiro batido. Ele tem no companheiro um admirador de seu futebol nesse pouco tempo defendendo pela primeira vez um clube brasileiro.

saiba mais
  • A classificação e relação dos artilheiros
  • Alecsandro aposta em Fla-Flu de muitos gols

- Eduardo está se adaptando bem ao futebol brasileiro, que é corrido, diferente. Ele já entendeu, é inteligente - comentou Alecsandro.

Como titular, Eduardo da Silva ainda não conseguiu fazer gols. O técnico Vanderlei Luxemburgo disse repetidas vezes que o jogador precisa de um período de adaptação e que ainda não estava pronto. Ele acabou assumindo a posição mais pela deficiência dos nomes disponíveis do que pela sua condição de momento.

- Foi boa essa experiência dele entrando no final dos jogos. De fora, você consegue olhar melhor o jogo e o Eduardo viu as deficiências dele, o que poderia melhorar e como iria contribuir. Vai crescer muito mais - afirmou Alecsandro.

O último gol de Eduardo da Silva foi no dia 3 de setembro, no triunfo por 3 a 0 diante do Coritiba, pela Copa do Brasil. O atacante também deixou sua marca nas vitórias contra Criciúma, Atlético-MG e Sport, todas pelo Brasileirão. No último fim de semana, perdeu pênalti contra o Corinthians, quando já estava 1 a 0 para o Flamengo.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.